O iPhone X falha nos testes (com vídeo)

iphonexdesign

iphonexdesign

 

 

O  iPhone X, que chegou ao mercado com um valor de 1000€, falha nos testes de resistência e fragilidade da SquareTrade (que fornece planos de seguro para os dispositivos móveis). Estes testes demonstram que o design, este telemóvel tem um design em vidro, comprometeu a resistência, o que acaba por levar a um aumento do custo de reparação que os consumidores poderão ter em caso de avaria, transformando o iPhone X no mais fraco de todos os que foram apresentados até agora.

 

 

O iPhone X sofreu os seguintes testes: Teste de Queda Frontal (Bastou apenas uma queda para o iPhone X se despedaçar), Teste de Queda Traseira e Lateral (Esta foi a queda que mais danos provocou), Teste de Imersão (À semelhança dos modelos 8 e 8 Plus, o X resistiu 30 minutos imerso em 1,5 metros de água), Lançamento (Demonstrou que o iPhone X é propenso a danificar-se devido às quedas), Teste de Queda (Os 60 segundos a que foi submetido a este teste não foram igualmente favoráveis para este modelo. Apesar de o ecrã com fissuras continuar a reconhecer o toque, o deslize de menu inicial deixou de funcionar) e Reparação (este fera mais fino é o mais difícil de ser substituído).

 

 

Nestes testes a SquareTrade recorreu a um conjunto de robots que deixaram cair os dispositivos, dobraram-nos e os imergiram em líquidos, tudo o que pode acontecer a um utilizador comum.

 

 

As pontuações de resistência e fragilidade obtidas através destes testes vão preencher as lacunas deixadas pelas análises/reviews tradicionais. Estas pontuações são atribuídas através de um variado número de factores: características físicas e componentes aos resultados obtidos em queda, imersão e flexibilidade. Quanto mais elevada for a pontuação de um dispositivo, numa escala de 0 a 100, maior é o risco de se partir.

 

Para o vice-presidente global da direção criativa da SquareTrade, Jason Siciliano, “era expectável pagar-se um preço mais elevado por um telemóvel tão bonito como iPhone X. Infelizmente para os consumidores, o preço final pode ser bem superior aos cerca de 1000 euros que investem inicialmente. Apesar de a Apple dizer que este é o vidro mais resistente de sempre de um smartphone, o iPhone X é o iPhone mais frágil que testámos até agora. A fragilidade do iPhone X, juntamente com os quase 500€ que a Apple cobra por reparações, tornam-no num modelo de risco elevado.” O vice-presidente da SquareTrade aconselha os utilizadores a usarem protetores de ecrã e capas, para além de apostarem num plano de proteção.

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Notícia publicada a 06/11/2017


About the author /


Post your comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

_