Quarta-feira, Março 3, 2021

5 formas de ocupar o tempo até o confinamento acabar

A esperança. A luz ao fim do (longo) túnel. O início do fim. O presente de natal que chegou com dois dias de atraso. Tudo isto representa o chegar das primeiras vacinas contra o SARS-COV-2.

Se já está a levantar-se do sofá vestido com o pijama que usou nos últimos 2 meses prontinho para levar a vacina avisamos que, a primeira fase da vacinação, é para os profissionais de saúde.

Se não faz parte deste grupo vai ter de aguardar. Já está a desesperar?

Deixamos aqui várias sugestões do que fazer em casa até esse bracinho poder levar uma pequena picada.

Exercício físico

Admita: andou a comer todos os chocolates, sonhos, rabanadas e arroz doce que encontrou pelo caminho durante o natal. Nós percebemos e não julgamos, mas agora faça alguma coisa pela sua saúde.

Não somos nós que dizemos, mas sim os especialistas. Fazer exercício regularmente ajuda a manter o sistema imunológico a funcionar bem.

Correr ao ar livre ou ir ao ginásio são atividades que pode fazer para perder os quilinhos extra que ganhou durante a pandemia.

Se não se sente motivado para se inscrever num ginásio ou a sair para fazer uma caminhada então sugerimos ficar por casa. E quando dizemos ficar em casa não é ficar a olhar para a televisão enquanto come mais um chocolate.

Se não gosta de fazer os típicos exercícios de perda de peso, já pensou em ter aulas de dança? São uma solução para queimar calorias ao mesmo tempo que se diverte. A plataforma Afrovibe Dance Workout disponibiliza aulas de aeróbica com movimentos inspirados em danças afro.

3, 2, 1… Bora!

Assista a séries, filmes ou documentários

Pronto, se mexer-se pela sua saúde não é mesmo para si então não insistimos mais. Fique no sofá. Continue a assistir as séries que tanto gosta.

O frio ajuda e as plataformas de streaming agradecem.

Netflix, HBO, Amazon são algumas das plataformas que existem para que possa assistir séries e filmes mediante assinatura.

Se não gosta de séries porque parecem ter demasiadas temporadas, aproveite então para assistir filmes ou documentários que anda a adiar desde o início da pandemia.

São vários por onde escolher e não necessita de aderir a plataformas de streaming para passar o tempo. Os canais por cabo disponibilizam frequentemente filmes e documentários para que se possa entreter durante o estado de emergência.

Fale e conheça novas pessoas online

O teletrabalho, o estado de emergência ou de calamidade, e o isolamento serve para nos protegermos, mas distanciou o contacto com os outros.

Se as únicas pessoas com quem mantém contacto – virtual – são os colegas de trabalho, amigos e família onde as conversas são sempre as mesmas, saiba que pode sempre conhecer pessoas novas através de aplicações.

As conhecidas apps de relacionamentos podem ser várias e um tanto ou quanto confusas. Por esse motivo, a Lovino – uma plataforma recentemente lançada em Portugal – tem por objetivo facilitar a escolha relativamente a qual aplicação é a mais adequada às necessidades de cada pessoa.

Assim fica mais fácil!

Cozinhar

Se há coisa que esta pandemia trouxe foi especialistas em pão. Quem é que não tentou pelo menos uma vez cozinhar pão para comer ao pequeno-almoço ou ao lanche?

E que tal aventurar-se mais um bocadinho?

Se acha que cozinha bem, experimente uma receita que sempre quis fazer e não teve tempo. Se não tem jeitinho nenhum para a cozinha – incluindo fritar um ovo – saiba que existe formas de aprender.

Seja através de livros de receitas, vídeos no youtube ou até mesmo através de uma chamada telefónica para a mãe que comece com um “Ó mãe como é que eu faço…”.

Só não vale pegar fogo a casa nem convidar amigos para provar os seus cozinhados…pelo menos por agora.

Encomende comida

Cozinhar não é mesmo o seu forte ou o sofá está mesmo a chamar por si e a fome também? Aproveite para encomendar comida.

São várias as aplicações existentes para encomendar comida. A Glovo ou a UberEats são apenas dois dos exemplos.

Aproveite para encomendar comida do seu restaurante preferido ou até mesmo experimentar algo novo que anda a adiar há tanto tempo.

Além de aquecer a barriga está a ajudar a restauração que tanto precisa nestes últimos tempos.

Se não faz parte dos grupos prioritários para levar a vacina, se está em casa há muito tempo e o estado de emergência dura há muito, aproveite estas sugestões para se distrair. O confinamento não é fácil, mas certamente, no futuro, sentirá falta deste tempo para fazer tudo aquilo que gosta.

Avatar
Redacçãohttp://www.infocul.pt
Redacção oficial do site infocul.pt

Artigos Relacionados

Big Brother: Savate diz que “a Joana importa-se de perder para comigo”

Joana e Bruno Savate começam a ter constantes discussões e o namoro pode ficar em causa. Savate escreveu uma carta anónima a Joana: “Deves aceitar...

TVI confirma presença da filha de Maria Cerqueira Gomes na novela

Depois da polémica gerada pelo facto de não ter formação na área e ser anunciada na novela, depois da TV Mais ter informado que...

‘Não te esqueças da letra!’ é o novo programa da RTP1

Não te esqueças da letra! é o novo programa da RTP e conta com apresentação de João Paulo Rodrigues. Estreia a 13 de Março e...

Siga-nos nas redes sociais

23,963FãsCurtir
154SeguidoresSeguir
71InscritosInscrever