Quarta-feira, Julho 28, 2021

A Serra é a nova novela da SIC. Conheça as personagens!

A SIC estreia, esta segunda-feira, a nova novela da noite: A Serra.

Gravada na Serra da Estrela, conta com um elenco de luxo.

A SIC já disponibilizou o resumo sobre cada um dos personagens.

Fique a conhecer os actores que as interpretam AQUI.

Os personagens da novela A Serra são:

FÁTIMA ROQUE NETO

Genuína

Ama a sua aldeia e a montanha. É genuína, orgulhosa e decidida. Produz farinha biológica num moinho de água que herdou da mãe. Quando o seu irmão morre e o seu pai vai preso, tem de suportar sozinha os negócios da família e tomar conta da sobrinha Anabela. Apaixona-se perdidamente por Tomás, que está noivo de Mariana Pereira Espinho, e parece estar sempre no caminho de Carlota Pereira Espinho, a mulher mais poderosa da região. Quer descobrir quem matou o irmão e obrigar o culpado ou culpados a enfrentar a justiça.

SILVÉRIO NETO

Temperamental

Pai de Fátima, avô de Anabela e irmão mais velho da Paula. É honesto e trabalhador, mas perde facilmente as estribeiras. É pastor e tem uma queijaria. Suspeita que Carlota tenha sido responsável pela morte do seu filho Artur e tenta vingar-se, acabando na cadeia. Odeia os Pereira Espinho, que considera culpados de todo o mal que acontece na Fraga Pequena. O seu objectivo é vingar-se deles e recuperar a queijaria da família.

ARTUR NETO

Desesperado

Irmão de Fátima e pai de Anabela. Um homem bom, que adora a família. Gere a Queijaria Vale da Fraga, com o pai Silvério. O sonho de fazer crescer a empresa, fê-lo aceitar a proposta dos Pereira Espinho e levou-o a investir muito dinheiro em maquinaria e ovelhas. Quando, por vingança, os Espinho voltam atrás na sua palavra, Artur fica desesperado e promete revelar um segredo que pode destruir a família mais poderosa da região.

ANABELA NETO

Revoltada

Vive com Fátima, a tia Paula e o avô Silvério. A sua mãe morreu no parto e não a conheceu. O pai é agora encontrado morto. Sente-se atraiçoada pelo destino e a rebeldia é a forma que tem para o manifestar. Apetece-lhe rir dos outros e provocá-los para se sentir viva, por isso está constantemente em maus lençóis. Já perdeu demasiada gente na vida e o seu objectivo é ficar com a tia Fátima, com quem se sente segura.

PAULA NETO

Aldrabona

Irmã de Silvério e tia de Fátima. Nasceu para levar uma vida folgada e privilegiada, mas não tem dinheiro para atingir tal objectivo. Por isso vive de expedientes que lhe permitam não se cansar muito. Já teve muitos empregos mas foi sempre despedida. Financeiramente vive no negativo e está sempre a dever dinheiro a alguém. É insegura com os homens. Os encontros amorosos acabam frequentemente em fracasso. É oportunista e o seu objectivo é viver à custa de alguém ou à custa de algum subsídio.

TOMÁS FOLGADO

Corajoso

É filho de Moisés e Aida, irmão de Gustavo. Tirou gestão, mas nunca quis trabalhar nessa área. É socorrista de montanha, nos Alpes Franceses, onde vive. Namora com a Mariana Pereira Espinho, mas não está apaixonado e pretende terminar a relação. Muito activo, é corajoso e determinado. É apaixonado pela montanha e vai viver uma paixão tórrida com Fátima. Viver na serra não fazia parte dos seus planos, mas vai perceber que tem fortes motivos para ficar e que a ligação à Fraga Pequena é maior do que pensa.

AIDA FOLGADO

Mãe leoa

É casada com Moisés, mãe de Tomás e de Gustavo. Nasceu e cresceu em Lisboa até se mudar há quatro anos para a Serra da Estrela e, com o marido, pegar no negócio de família dele, a fábrica de burel. A vinda para a serra serviu para Aida e Moisés darem uma nova oportunidade ao casamento. Designer de formação, Aida é responsável pelo sector criativo na fábrica. Defende os filhos a qualquer custo. Geralmente é tranquila e só Moisés a consegue tirar do sério.

MOISÉS FOLGADO

Charmoso

É casado com Aida e pai de Tomás e de Gustavo. Regressou à Serra da Estrela há quatro anos. Era a terra dos avós, mas Moisés sempre viveu em Lisboa. Vem para a montanha depois de um ultimato da mulher para mudarem de vida e decidiu reerguer a antiga fábrica de burel do avô que faliu há muitos anos. É o responsável pela gestão do negócio. O seu ponto fraco são as mulheres e mantém em segredo uma relação extraconjugal.

GUSTAVO FOLGADO

Inconsequente

Irmão de Tomás, filho de Aida e Moisés, cresceu e viveu em Lisboa até se mudar com os pais para a Fraga Pequena. É o responsável pelas actividades desportivas do hotel e tem uma grande paixão não correspondida por Mariana, a herdeira dos Pereira Espinho. É irresponsável, ambicioso, mas não gosta de se esforçar. Mexe-se consoante os seus interesses. Impulsivo, reage mais com raiva do que com razão. Tem cadastro, esteve preso três anos por tráfico de droga e sofreu muito com isso. Sonha conquistar Mariana.

CARLOTA PEREIRA ESPINHO

Ambiciosa

Mãe de Mariana, casada com Fernando Pereira Espinho. Ciumenta e apaixonada pelo marido, faz tudo para manter este casamento. É ambiciosa, fria, calculista e está disposta a tudo para manter os segredos enterrados e, com isso, proteger o Fernando e a filha Mariana, a par do património da família. Não se importa de pisar e maltratar quem for preciso. Odeia Fátima e quer afastá-la da sua família. Tem um sentido de humor negro e sarcástico.

FERNANDO PEREIRA ESPINHO

Bon vivant

É casado com Carlota, mas já não sente o que sentia quando casaram. É charmoso, gosta de se divertir e aproveitar a vida. Quando é preciso também sabe ser frio e pragmático. Quer assegurar que ninguém mete as mãos no património da família. Acabará por se apaixonar por outra mulher. Quer divorciar-se e viver esta relação. Acontece que Carlota tem um trunfo contra Fernando que o poderá fazer desistir deste grande amor.

MARIANA PEREIRA ESPINHO

Competitiva

Filha de Fernando e Carlota, é perdidamente apaixonada pelo Tomás desde a adolescência. Esforçou-se muito para o conquistar e não se conforma que ele a troque por Fátima. Detesta-a desde a escola. É ambiciosa, competitiva e, apesar de aparentar grande confiança, é uma mulher insegura. É a directora de marketing e comunicação do hotel. A sua melhor amiga é Vitória, mas é à mãe, a sua maior confidente, a quem que recorre quando está aflita. Quer casar com o Tomás e destruir Fátima.

VITÓRIA CASTRO

Apaixonante

Criadora de cães serra da Estrela, é a melhor amiga de Mariana, honesta e boa ouvinte. É uma pessoa fechada, mais preocupada com os outros do que consigo mesma. Os seus pais partiram em viagem à volta do mundo e os Pereira Espinho tornaram-se a sua família. Depois de uma relação com um homem possessivo pôs a vida amorosa em stand-by. Sem dar por isso, vai apaixonar-se por um homem mais velho.

DOMINGOS NUNES

Rude

É o proprietário da mercearia de Fraga Pequena. É abastado pois é poupado. Vive para o trabalho e para a sua afilhada Leonor, que tem como filha (apesar de não ter sobre ela qualquer vínculo jurídico). É abrutalhado, às vezes agressivo, mas gosta da sua mulher, Rosalinda e adora Leonor. Guarda segredo sobre quem é o pai biológico de menina. Gostava de ser reconhecido como pai da criança e que tudo ficasse como está.

ROSALINDA ROQUE NUNES

Submissa

É a mulher de Domingos. Ajuda o marido na mercearia e é uma mulher calma e submissa. A sua vida é trabalhar e cuidar da Leonor, que tem como filha. A sua maior frustração é não pode ter filhos e, por isso, Leonor é a sua vida. Por ela, está disposta a travar a mais duras das batalhas, contra tudo e contra todos, mesmo contra o pai biológico da menina. O seu objectivo é ser reconhecida como mãe da Leonor.

LEONOR BARROSO

Doce

Afilhada/filha de Domingos e Rosalinda. Teve o azar de ter uma mãe biológica irresponsável e negligente e a sorte de ser recolhida e protegida pelos seus pais afectivos. Deixa-se facilmente levar pelas traquinices da sua melhor amiga, a Anabela. O seu equilíbrio emocional e tranquilidade vão ser fortemente abalados quando se descobrir quem é o seu pai biológico.

HORTENSE RASTEIRO

Teimosa

Mãe de Lena e Quim, cozinheira no restaurante da aldeia. É uma mulher sábia, conhecedora de todos os segredos da serra. Com a filha sempre teve uma relação distante e, quando esta foi para Lisboa, acusou-a de abandonar a família. Há cinco anos viveu o desgosto de perder o filho Quim, preso injustamente, e que veio a morrer numa rixa na prisão. Lena voltou para a aldeia, mas a mágoa é muito forte e Hortense terá de passar por cima do seu orgulho para perdoar a filha.

LENA RASTEIRO

Orgulhosa

Filha de Hortense, mulher de Sebastião. É inconformada desde miúda e, contrariando a vontade dos pais, seguiu o sonho de estudar em Lisboa onde ficou a trabalhar. Voltou há uns anos, mas é orgulhosa e teimosa, e continua de costas voltadas com a mãe. Tem uma relação atribulada com Marta, a enteada, que a vê como uma intrusa na sua vida. Quer fazer as pazes com a mãe e vive com medo de a perder antes disso acontecer. É directora de alojamento no hotel.

SEBASTIÃO BOTELHO

Ardiloso

Advogado de renome, é um dos melhores da região. Vive com Lena. Foi casado duas vezes e tem três filhos desses casamentos: Marta, Guilherme e Vasco. Os seus principais clientes são Fernando e Carlota a quem já prestou apoio em esquemas financeiros menos lícitos. Inteligente, ardiloso e manipulador, é capaz de “jogar sujo” se a situação o exigir. Irá defender os Pereira Espinho contra Fátima, mesmo que isso signifique trabalhar contra o próprio filho.

GUILHERME BOTELHO

Justo

É filho de Sebastião e seguiu-lhe as pegadas na advocacia, mas o envolvimento da ex-mulher num esquema ilegal manchou a sua imagem. É um tipo da cidade, educado e pouco habituado à espontaneidade da serra. Veio ressacar o falhanço na carreira e no casamento, mas irá embarcar na causa da sua vida ao defender Fátima contra os Pereira Espinho e o próprio pai. Vai apaixonar-se por Fátima e, por ela, irá às últimas consequências e tentará adaptar-se à vida na montanha, disputando o seu amor com Tomás.

MARTA BOTELHO

Rebelde

É a filha mais nova de Sebastião, meia-irmã de Guilherme. A mãe emigrou e Marta preferiu ficar a viver com o pai, mas não esperava que ele arranjasse outra mulher. Não aceita Lena e faz a vida negra à madrasta. É provocadora e manipuladora, quando é preciso. Sempre foi desobediente e não gosta que lhe digam o que fazer. Mas o destino prega-lhe uma rasteira e a sua vida de boa rebelde irá mudar quando descobrir ter epilepsia, obrigando-a a adaptar-se à doença.

CARMINHO TELES DE ARRIAGA

Irrealista

Irmã de Fernando Pereira Espinho. Casada com Manuel e mãe de Salvador. Ela e Manuel são um casal feliz e apaixonado à prova de tudo. Carminho é uma mulher sofisticada, educada, criada com tudo do bom e do melhor, e não vai aceitar bem o facto de estarem completamente falidos. Vive a ilusão de que vão recuperar a fortuna e recusa-se a viver como se fossem pobres.

MANUEL TELES DE ARRIAGA

Optimista

Manuel é completamente apaixonado pela mulher e faz tudo para a ver feliz, talvez por isso tenha tentado adiar o inevitável: Não há mais dinheiro, o buraco financeiro é tão fundo que já não há maneira de o tapar. Manuel acredita que não foi má gestão, ele é um gestor experiente, e se não tivesse tido azar estava rico. Extremamente optimista, Manuel tem muita fé que a sua sorte vai mudar. Tudo o que quer é voltar a dar à sua Carminho o nível de vida que tinham e recuperar o palacete da família.

SALVADOR TELES DE ARRIGA

Ponderado

No papel é filho de Carminho e Manuel Arriaga, mas na vida é mais ao contrário. Salvador é o oposto do pai: tem os pés assentes na terra, é rigoroso, não gosta de arriscar e prefere jogar pelo seguro. É por causa das dificuldades financeiras dos pais que Salvador regressa à aldeia do avô materno para abrir uma padaria. Não faz ideia de que vai ter de enfrentar as Grilo, padeiras da Fraga Pequena. Vai apaixonar-se por Jacinta, assim que a conhece, e vai lutar para a conquistar.

SÃOZINHA GRILO

Sonsa

É a padeira da terra, trabalha na fábrica de burel e canta no rancho. Tem três filhos e faz tudo por eles, mas, em privado, também os põe na ordem. Foi deixada pelo marido e é pai e mãe. Gosta de se fazer de vítima e de coitadinha. Apesar de se fingir fraca é muito competitiva e acha que ninguém faz as coisas tão bem como ela. Faz o melhor pão do mundo no forno da aldeia e vai entrar em guerra com Salvador e Fausto que têm a ousadia de abrir uma padaria na aldeia, tudo o que ela mais queria!

JACINTA GRILO

Bruta

Filha de Sãozinha e irmã de Guida e Tozé. Discutem muito, mas são muito unidos. É padeira. É prática, bruta, não gosta de pessoas, odeia atender ao público e tem poucas ferramentas socais. Não tem namorado e diz que é porque não quer, detesta o Salvador e o Fausto que vêm fazer concorrência ao pão vendido por si e pela mãe. Vai apaixonar-se por Salvador, o seu concorrente directo. Tem como objectivo ficar com Salvador e “conseguir a bênção” da mãe.

GUIDA GRILO

Sonhadora

É empregada dos Teles de Arriaga, mas irá trabalhar como camareira no hotel. Discute com os irmãos, mas ai de quem diga mal deles. Adora comprar roupa e experimentar as peças e acessórios caros, mesmo que não sejam seus. É fã de telenovelas e viciada em histórias de amor. Está a juntar dinheiro para ir conhecer o mundo e espera por um príncipe encantado, o homem com quem vai viver uma grande história de amor. É capaz de tudo pela mãe e pelos irmãos.

TOZÉ GRILO

Impulsivo

Filho de Sãozinha, irmão de Jacinta e Guida. Foi o que mais sofreu quando o pai os abandonou e saiu de casa. É empregado de mesa no restaurante da aldeia. Ao contrário da mãe e das irmãs, é eficiente, educado e sabe falar com os clientes. Choca com as irmãs porque é o menino querido da mãe, Sãozinha faz-lhe as vontades todas. Ferve em pouca água, caso alguém tente prejudicar a sua família.

ELVIRA ROQUE COURELA

Mandona

Enviuvou recentemente do marido, porém, não cedeu ao desgosto. Trabalha na fábrica de burel e canta no rancho. É opinativa, mandona e intrometida, mas move-se por boas intenções. Tem sempre opinião para dar sobre tudo e sobre todos, sabe sempre o que é melhor para os outros. Tem muito orgulho nos seus três filhos, Ivone, Fausto e Nicolau, que estão novamente de volta à casa onde cresceram.

IVONE ROQUE COURELA

Rigorosa

Depois de viver em Lisboa alguns anos, onde se formou e trabalhou em Clínica Geral, cometeu um erro clínico. Veio refugiar-se na aldeia da sua infância. Era uma mulher segura e uma profissional confiante, mas este erro tornou-a vulnerável. Rigorosa e exigente, consigo e com os outros, para Ivone as regras são para cumprir, seja um dos seus dois irmãos, namorados ou amigos. Nunca conseguiu ter uma relação com um homem que quisesse ter filhos e começa a sentir o peso da idade. Sonha ter uma família e ser mãe.

FAUSTO ROQUE COURELA

Descontraído

Filho de Elvira e irmão de Ivone e Nicolau. Está de regresso à Fraga Pequena para abrir uma padaria moderna. Mesmo sem pretender fazer concorrência ao pão de Sãozinha, o negócio que ali abre com o amigo Salvador não é visto por ela com bons olhos e serão muitas as dores de cabeça que terá de enfrentar. Vale-lhe a sua postura descontraída e despreocupada. O foco de tensão para Fausto não é tanto o trabalho, mas sim a culpa que carrega pela família e cujo motivo só a irmã conhece.

NICOLAU ROQUE COURELA

Ingénuo

É um dos irmãos Courela e o único que não foi para a faculdade. Tem mais jeito para o desporto e para sacar miúdas, arte que mantém com sucesso graças à simpatia, sex appeal e bom coração. Não tem namorada fixa. É ingénuo, odeia conflitos e discussões e é incapaz de tomar partido. Adora novelas e toca concertina no rancho da Fraga Pequena. Trabalha como recepcionista no hotel dos Pereira Espinho. Apaixona-se por Guida, mas vai ter de se esforçar para ela acreditar que ele é o seu príncipe encantado.

Artigos Relacionados

Siga-nos nas redes sociais

23,900FãsCurtir
154SeguidoresSeguir
101InscritosInscrever