A Quercus e a Antram exigem uma redução nas emissões poluentes dos transportes pesados

 

 

Trinta e seis empresas, transportadoras e associações europeias (de onde se destacam a Quercus e a Antram) exigem, numa missiva dirigida a Jean-Claude Juncker, uma redução de 24% das emissões poluentes dos transportes pesados em 2025. Esta meta, caso seja alcançada, permitirá uma poupança anual de 7700 euros por camião.

 

Estes subscritores exigem que a comissão europeia apresente, já no próximo mês, uma proposta mais ambiciosa para reduzir as emissões de CO2 dos camiões.

 

Isto porque o sector dos transportes é o responsável por 27% das emissões de CO2 da União Europeia. Por outro lado, os veículos pesados representam 26% das emissões associadas ao transporte rodoviário.

 

As empresas e associações signatárias desta carta mostram-se cientes das suas responsabilidades mas argumentam que os decisores políticos devem criar condições para que o sector possa alcançar as suas metas.

 

A Quercus e a Antram concordam, adicionalmente, deverá ser definida uma meta ambiciosa para a venda de camiões com zero emissões e mais “amigos” do ambiente.

 

Para cumprir as metas do Acordo de Paris, o sector dos transportes precisa de reduzir as suas emissões para zero, até 2050 e, embora já exista tecnologia de emissões zero para camiões, o seu fornecimento é ainda limitado e apresenta custos elevados. Nesse sentido, a próxima proposta relativa aos padrões de eficiência de combustível para camiões, que se prevê ser publicada a 16 de Maio, também deverá garantir que os fabricantes tenham um objetivo mínimo para a venda de camiões zero emissões.

 

Esta missiva, que teve uma grande adesão, é uma acção organizada pela Federação Europeia dos Transportes e Ambiente (T&E), de que a Quercus é membro, e subscrita também pela Associação Nacional de Transportes Públicos Rodoviários de Mercadorias (Antram).

Partilhar
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Notícia publicada a 18/04/2018


About the author /


Post your comments

Your email address will not be published. Required fields are marked *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

_