Angola: Um país rico com 20 milhões de pobres

siclogo

 

A escola primária onde o professor Francisco Chacola dá aulas não tem água nem casas de banho. Não tem biblioteca nem refeitório. Não tem nenhum tipo de material escolar. A escola onde o professor Francisco Chacola dá aulas são duas pequenas salas para 480 alunos. É uma escola idêntica a centenas de outras escolas espalhadas pelo território angolano. Num país onde 22% das crianças e jovens não sabem juntar as letras.

 

 

Angola tem um dos maiores consumos de champanhe per capita do mundo: vendem-se 240 mil garrafas por ano, quase todas em Luanda. Dos 25 milhões de angolanos, 20 milhões vivem em situação de pobreza. 

 

 

Luanda é uma das capitais mais caras do mundo. Mas quase 80% da população urbana de Angola vive em bairros de lata. Quase 60% das famílias não têm acesso a fontes de água potável. As epidemias de malária e febre-amarela começaram no final do ano passado e já mataram mais de 14 mil pessoas no país. 

 

 

Na última década, Angola registou um dos maiores crescimentos económicos do mundo, mas manteve-se líder nos índices de mortalidade infantil.

 

 

O país vai a votos no verão do próximo ano. José Eduardo dos Santos, que há 37 anos se sucede a si próprio, volta a ser o único candidato à presidência. Uma semana depois de se assinalarem os 41 anos de independência de Angola, a ‘Grande Reportagem SIC’  mostra-lhe um país onde as manifestações são reprimidas e os ativistas presos. 

 

 

“Angola, um país rico com 20 milhões de pobres” é um trabalho de Susana André, com imagem de Carlos Morais, edição de imagem de Tiago Martins e grafismo de Marta Coelho. 

 

 

‘Grande Reportagem’ para ver quinta-feira, dia 17 de novembro, no ‘Jornal da Noite’.

Rui Lavrador

Iniciou em 2011 o seu percurso em comunicação social, tendo integrado vários projectos editoriais. Durante o seu percurso integrou projectos como Jornal Hardmúsica, LusoNotícias, Toureio.pt, ODigital.pt, entre outros Órgãos de Comunicação Social nacionais, na redacção de vários artigos. Entrevistou a grande maioria das personalidades mais importantes da vida social e cultural do país, destacando-se, também, na apreciação de vários espectáculos. Durante o seu percurso, deu a conhecer vários artistas, até então desconhecidos, ao grande público. Em 2015 criou e fundou o Infocul.pt, projecto no qual assume a direcção editorial.

Rui Lavrador has 6699 posts and counting. See all posts by Rui Lavrador

Rui Lavrador

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.