AUDIOGEST e AFP criam gabinete de crise para apoio técnico e jurídico a agentes do sector cultural

A AUDIOGEST, entidade de gestão de direitos de produtores fonográficos, e a AFP – Associação Fonográfica Portuguesa, anunciam hoje a criação e o início de funcionamento de um Gabinete de Crise que pretende dar apoio técnico e jurídico a agentes do sector cultural que se encontrem afectados pela situação de crise que paralisou já a esmagadora maioria das atividades do sector.

A estrutura que hoje entra em funcionamento terá por missão apoiar empresas e empresários, prestando informação, aconselhamento e apoio técnico, em relação às medidas que estejam ou venham a ser anunciadas pelo Governo, aplicáveis à generalidade dos sectores e, assim se espera, em medidas especificas para o sector cultural, cuja regulamentação não se encontra ainda publicada e divulgada.

Poderão recorrer ao Gabinete de Crise, todos os produtores musicais, promotores de espectáculos, agentes e outros profissionais do sector, independentemente de serem ou não associados da AUDIOGEST ou da AFP.

Esta medida é tomada em articulação com a GDA (entidade de gestão de direitos dos artistas), a quem os artistas se deverão dirigir para esclarecimentos e respostas relacionados com esta temática.

João Teixeira, Presidente da Direção da AUDIOGEST, afirmou “A constituição deste Gabinete ocorre num momento que é também particularmente difícil para toda a Indústria Fonográfica e é tomada no mesmo dia em que a PassMúsica (licenciamento conjunto da AUDIOGEST e GDA) anunciou medidas de suspensão generalizada de contratos de licenciamento. No entanto, esta foi a forma que encontrámos de apoiar, de forma generalizada e tendo em conta a limitação dos nossos recursos, todo este «ecossistema» da economia cultural, já de si relativamente frágil e descapitalizado.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.