Aveiro e Olhão: Mais de 3 toneladas de sardinha apreendidas

 

A Unidade de Controlo Costeiro, através dos Subdestacamentos de Aveiro e de Olhão, ontem, dia 29 de Agosto, apreendeu 3 100 quilos de sardinha, na lota de Aveiro e de Olhão.

No âmbito de uma operação destinada ao controlo do cumprimento das normas que regem a descarga, transporte e comercialização de pescado fresco, os militares, em Aveiro, detectaram cinco dornas que continham no seu interior 1500 quilos de sardinha, sem que tenha sido possível identificar o seu proprietário.

Em Olhão, no decorrer de uma acção de vigilância e fiscalização no âmbito do regime legal da primeira venda de pescado fresco, os militares apreenderam 1600 quilos de sardinha por suspeita do referido pescado não ter sido sujeito ao primeiro regime de venda (fuga à lota), tendo sido identificada uma empresa pela infracção, a qual está sujeita a uma coima que pode atingir os 44,891 euros.

O regime de venda de pescado fresco prevê que a primeira venda seja, obrigatoriamente, realizada em lota, pelo sistema de leilão. A base deste regime assenta, sobretudo, na intenção de se manter e preservar um mecanismo regulador de preços neste sector pela concentração da oferta e da procura, acautelando o cumprimento das cotas de captura, estabelecidas com vista à sustentabilidade das espécies e pelo controlo higiossanitário do pescado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.