Bombeiros de Fátima pedem ajuda para construção de quartel

Os Bombeiros Voluntários de Fátima apelam à solidariedade para construir um quartel. De momento 100 bombeiros fazem parte deste grupo. A Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Fátima está determinada em construir um quartel próprio, pois o que tem não serve para o objectivo principal da corporação que é a salvaguarda e socorro de pessoas e bens.

 

A direcção acredita que uma congregação destes meios fará com que o trabalho seja melhor realizado. Os serviços e meios da corporação estão actualmente repartidos por dois espaços, cedidos provisoriamente e a título de empréstimo à associação pela Junta de Freguesia de Fátima e pela Congregação dos Missionários do Verbo Divino

 

 

Para alcançar este objectivo, iniciaram recentemente uma campanha de solidariedade, sob o lema “Um Euro faz toda a diferença. Faça parte deste movimento”. Esta campanha é vocacionada para todos os que visitam a cidade em peregrinação e à população local.

 

 

O lema “Um Euro faz toda a diferença”, com o inciso “Faça parte deste movimento”, pretende, explica Marco Santos, “demonstrar que com apenas um euro, de cada fatimense, de cada peregrino, de cada turista, simplesmente um euro, chegaria para dar a estes homens e mulheres condições dignas de trabalho, trabalho por todos nós. Proporcionaria uma ainda melhor capacidade de resposta nos mais diversos cenários para que os bombeiros são requisitados”.

 

 

O novo quartel, a construir na zona sul da Cova da Iria, nas proximidades da designada Rotunda Sul, “não se pretende luxuoso nem uma obra megalómana, mas com as condições normais para um serviço eficiente”. “A concentração de todos os meios num só local é fundamental. Ganharemos até em tempo de resposta na maior parte das intervenções. Além disso, os próprios bombeiros necessitam de espaços melhores e mais adequados”, explicam Alberto Caveiro e António Gaspar dos Reis, presidente da direcção e comandante dos BVF, respectivamente. O novo quartel abrangerá uma área total de aproximadamente 10.000 m2. A área edificada será de aproximadamente 1.900 m2, repartidos em balneários, camaratas, gabinetes, vestiários, casa-escola e edifícios de parqueamento. O valor provisório para execução da obra é de 1.500.000 Euros. “Infelizmente, o quadro comunitário de apoio não prevê, pelo menos até ao momento, qualquer apoio para a construção deste tipo de obras, pelo que, devido à necessidade imperiosa de dotar os bombeiros de Fátima de condições para prestar um socorro digno a todos os que a visitam, decidimos avançar com a construção do quartel”, explica Alberto Caveiro.

 

 

A primeira acção prática da campanha, que se estenderá a outros dias do ano, teve lugar no fim de semana de Páscoa, com a recolha de fundos em quatro locais centrais da Cova da Iria, todos devidamente identificados. Foi também aberta uma conta bancária propositadamente para este fim: PT50.0033.0000.4545.5710.7760.5

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.