Condé Nast coloca a região dos Vinhos do Alentejo no Top 6 dos destinos vinícolas para 2020

A Condé Nast Traveler, reputada revista norte americana de viagens e lifestyle, publicou um artigo onde classifica a região vinícola do Alentejo como um dos seis destinos a não perder no próximo ano. Cinco dos maiores especialistas em vinho nos Estados Unidos foram questionados sobre onde planeavam estar na sua passagem de ano e o Alentejo foi um dos destinos eleitos. O resultado são seis regiões do mundo com muito para explorar, tanto ao nível do enoturismo, como de toda a sua envolvente.

Laura Ginnatempo, autora do artigo, visitou o Alentejo em 2017 e descreve a região como próxima de Lisboa e do Algarve, cuja principal atracção é o enoturismo. A especialista destaca a oferta heterogénea de excelentes vinhos, brancos e tintos, produzida com uvas autóctones tais como a touriga nacional, a aragonez e a alicante bouschet.

 

Michele Gargiulo, sommelier na Jean Georges do Hotel Four Seasons Filadélfia, também referido neste artigo, define locais como a Herdade do Freixo como exemplo das melhores e mais modernizadas adegas da Europa, refere ainda que os vinhos da Herdade do Arrepiado Velho estão entre os seus favoritos, colocando assim o Alentejo no top do ranking mundial. Quanto ao vinho, a sua preferência é a touriga nacional que classifica como um produto de uma complexidade, mineralidade e estrutura deslumbrantes.

 

A par com a Lombardia e a Sicília em Itália, Western Cape na África do Sul, o Vale Willamette no estado de Oregon (EUA) e a Península do Niágara no Canadá, o Alentejo português foi assim eleito como destino a não perder para os amantes de um vinho de ótima qualidade.

 

Para Francisco Mateus, Presidente da Comissão Vitivinícola Regional Alentejana, É um orgulho este reconhecimento de um meio tão reputado, que confirma que o Alentejo continua a encantar e a marcar quem por cá passa. Esta é mais uma importante menção para o turismo do nosso Alentejo e uma prova que estamos a fazer um excelente trabalho”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.