Continente alarga rede de produtores nacionais

Ajudar os produtores portugueses no escoamento de produtos essenciais, nesta fase de emergência nacional, é o objetivo do Continente que pretende alargar a sua rede através da integração de novos membros no Clube de Produtores Continente (CPC).

As vendas do Continente de produtos nacionais têm aumentado progressivamente, sendo que no último ano foram adquiridas mais de 92 mil toneladas, que correspondem a frutas e legumes, dos quais se destacam:

16 mil Ton de citrinos do Algarve

9 mil Ton de maçãs de Alcobaça e da Beira Alta

5 mil Ton de pera Rocha do Oeste

13 mil Ton de legumes para sopa

10 mil Ton de batatas, alhos e cebolas

Mais de 15 mil toneladas de queijos produzidos em Portugal, correspondentes a cerca de 150 milhões de litros de leite recolhidos em todo o País e 4 mil toneladas de trigo do Alentejo, cuja farinha é utilizada diariamente para produzir pão fresco nas lojas Continente.

“Neste período de emergência em que se exige uma atuação próxima dos nossos produtores, pretendemos promover a integração de novos membros, garantindo todos os rigorosos procedimentos de segurança e de qualidade dos nossos produtos”, afirma Ondina Afonso, presidente do Clube de Produtores Continente.

O objetivo do CPC é disponibilizar produtos nacionais de excelência aos clientes, resultantes de um trabalho de parceira com os produtores, com suporte em conhecimento técnico-científico e que permite alinhar a oferta às tendências de consumo.

É também aposta do Clube o apoio à produção local, a produtores de pequena escala, conseguindo abastecer algumas lojas da cadeia de retalho Continente, traduzindo-se numa oferta de “Produtos da Região”.

A Distribuição Alimentar foi identificada como um serviço crítico pelo Governo e a Sonae MC está consciente da sua responsabilidade para com o país, seguindo assim as orientações da Direção Geral de Saúde e do Ministério da Economia.

Os colaboradores das lojas Continente e Entrepostos prosseguem empenhados a trabalhar, como até aqui, comprometidos em manter a sua atividade ao serviço dos portugueses.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.