Depressão Barbara com especial impacto nos distritos de Lisboa, Setúbal, Santarém, Castelo Branco e Portalegre

Prevê-se que às 12 UTC (13 horas no continente) de dia 20 de outubro, a depressão Barbara esteja localizada em 38°N 10.6°W, a cerca de 150 km a sudoeste de Lisboa, e que atravesse as regiões Norte e Centro durante a tarde, atingindo a Galiza no final do dia. A depressão Barbara, que se insere numa região depressionária complexa que se estende desde a região da Irlanda até à Península Ibérica, terá associado um sistema frontal de forte atividade que afetará todo o território do continente.

Neste momento, prevê-se que a depressão Barbara tenha uma maior influência na precipitação, com valores acumulados de 60 a 90 mm entre as 12 e 18 h de dia 20 nos distritos de Lisboa, Setúbal, Santarém, Castelo Branco e Portalegre, com especial impacto em regiões urbanas.

Ainda no dia 20, no resto do território, os valores máximos de precipitação serão de 40 a 60 mm em 6 horas. Hoje, dia 19, devido à passagem de uma superfície frontal fria, associada à referida região depressionária complexa, e em deslocamento em direção à Irlanda haverá precipitação forte no continente com valores entre 40 a 60 mm em períodos de 6 horas durante a tarde.

Em termos de vento, prevê-se que as rajadas máximas sejam atingidas também no dia 20 de outubro, com valores até 90 km/h na generalidade do território, sendo que nas terras altas as rajadas poderão atingir 130 km/h nas regiões Centro e Sul e 110 km/h na região Norte.

Na costa, até ao dia 21 de outubro, a agitação marítima será de sudoeste com 2 a 3,5 metros em toda a costa, sendo temporariamente
entre 4 a 4,5 metros a sul do Cabo Carvoeiro, passando a ser de noroeste durante o dia 22 de outubro. No dia 20, prevê-se uma descida da temperatura máxima, que irá variar aproximadamente entre 14 e 21°C.

 

Fonte: IPMA

One thought on “Depressão Barbara com especial impacto nos distritos de Lisboa, Setúbal, Santarém, Castelo Branco e Portalegre

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.