Entrevista: Joe Best é o padrinho do Mercado Gourmet no Campo Pequeno

_DSC5099

 

Joe Best, Chef de cozinha conhecido nacional e internacionalmente, criador do projecto “DaCozinha” é o padrinho de mais uma edição do Mercado Gourmet. Este mercado vai acontecer nos dias 03 a 05 de Março, das 12:00 às 21:30, no Campo Pequeno e a entrada custa 2 euros. No local vão poder ser adquiridos e experimentados os melhores produtos portugueses.

 

 

Aos oito anos de idade, para ajudar a minha mãe num dia apertado de trabalho para ela, foi-me pedido e ensinado a fazer um arroz de tomate que mudou a minha vida. Um arroz de tomate com semente…”, explica Joe Best sobre como a paixão pela gastronomia nasceu na sua vida. Dos sabores da sua infância, o Chef relembra a caldeirada ou o peixe no forno. Descobriu a cozinha aos 8 anos junto da sua mãe e desde então nunca mais parou.

 

 

José Besteiro, mais conhecido como Joe Best, nasceu em 1966 e há mais de 30 anos que está presente no mercado da alimentação tendo, nos anos 90, participado num programa de rádio na margem sul onde dava dicas e conselhos de cozinha à segunda-feira aos ouvintes. Foi ai onde nasceu o “nickname” pelo qual ficou famoso.

 

 

A semente estava a germinar. Depois, em entregas de botijas de gás na Costa de Caparica, com os meus amigos “crescidos” encantei-me por aquelas selvas de aço inox, os bastidores dos restaurantes. Aquilo mexia comigo“, diz Joe Best sobre como descobriu que a cozinha ia ser o seu “amor para toda a vida“.

 

 

Depois de ter trabalhado vários anos na Jerónimo Martins e de ter passado por alguns restaurantes, Joe Best criou o projecto “DaCozinha” onde presta serviços de supper clubs, serviço de um chef em sua casa, as aulas de cozinha, criação de eventos e outros serviços de consultadoria gastronómica.

 

_DSC5231

 

Muitos são os pratos que se destacam na gastronomia portuguesa. Se no litoral destacam-se os pratos de peixe, no interior a feijoada, o cozido à portuguesa com a sua variedade de carnes e chouriço e a carne assada no forno são “reis e senhores”.

 

 

Depois de viajar um pouco pelo mundo, percebi que nada bate ou iguala a matriz da cozinha regional portuguesa. É de facto uma das melhores cozinhas do mundo e as outras de que gosto, são influenciadas pelas viagens dos navegadores portugueses, nomeadamente o Japão. Dos Algarves, os doces de amêndoa e figo. Do Alentejo, as sopas e açordas, de Lisboa as favadas, da Margem Sol as caldeiradas, da Bairrada o leitão, da Serra as feijocas, do Porto a francesinha, de Trás-os-Montes o butelo e as casulas, do Minho os rojões“, refere Joe Best sobre o que torna a cozinha portuguesa especial e quais são os pratos que melhor definem as diferentes regiões do país. A cozinha portuguesa sofreu a influência de diferentes culturas devido aos descobrimentos portugueses. Nas novas terras contactadas, em África, na Ásia e na América, os navegadores portugueses depararam com novos alimentos e novos condimentos, como foi o caso da abóbora, o amendoim, o ananás, a batata, o cacau, o feijão, o girassol, o milho, o pimento e o tomate que podemos encontrar em saladas e em sopas. 

 

 

Para além da cozinha típica portuguesa, Joe Best diz-se inspirado por “Tudo o que seja inspiração oriental. Japão em particular, a Ásia em todo o seu esplendor“. A gastronomia portuguesa influenciou a de vários locais, incluindo a de Goa. No antigo território português o vindalho, prato confeccionado com carne de porco, e que tem origem tempero tradicional de marinada em vinha d’alhos.

 

 

O Mercado Gourmet regressa ao Campo Pequeno com uma vasta e diversificada oferta nacional de produtos gastronómicos e vinícolas de origem portuguesa.

 

 

Por experiência de edições anteriores, vai ser uma mostra da extrema capacidade de inspiração e adaptação das pessoas a novas formas de apresentar produtos de eleição. Já vi muitas coisas boas a desfilarem ao mais alto nível neste certame“, conta o Chef que é o padrinho e uma presença assídua no evento que decorre de 03 a 05 de Março, das 12:00 às 21:30.

 

 

Obriguei a organização a fazerem de mim padrinho vitalício. São demasiadas ocorrências na minha vida no Campo Pequeno. Da paixão do meu pai e do meu filho mais novo pelos touros e touradas, apesar de toda a carga negativa que isto hoje em dia representa para muita gente, passando pelo Zip-Zip que aqui vi ser gravado, com os meus amigos Zé Fialho Gouveia, Carlos Cruz e Raul Solnado ou pelos eventos em que participei no local nos últimos anos. Posso dividir “este reinado” mas exijo estar presente neste apadrinhamento para sempre (risos)”, diz Joe Best sobre ser o padrinho deste Mercado Gourmet que contam com 160 expositores e 180 projectos.

 

 

Na mítica arena de touros vão passar os produtos das várias regiões de Portugal, apresentando propostas inovadoras que conjugam a ancestral tradição culinária regional com novos ingredientes e muita criatividade na confecção.

 _DSC5260

 

Do Mercado Gourmet os visitantes poderão esperar “uma extrema capacidade inventiva e criativa da maioria dos expositores, além de produtos de excelência de presença habitual“, refere o Chef que ficou conhecido por ser o criador das suas próprias receitas e regras de cozinhar, na sua forma mais empírica, autodidacta, estudioso e curioso de todo o universo da comida, sempre na procura de novas criações a partir de ingredientes que movem e despertam paixões, mas também na busca incessante de proteínas, ervas, raízes, frutos e vegetais mais desconhecidos do grande público.

 

 

Se tivesse que cozinhar um prato que representa-se o Inverno, o Chef escolhe ” Uma feijoada (com feijocas) de Skrei, com samos e bochechas de bacalhau da Islândia, cheia de rodelas de chouriço da Ribeira Grande e pétalas de toucinho da papada de porco ibérico (criado no montado no Alentejo). E muitos coentros“.

 

 

O Mercado Gourmet no Campo Pequeno acontece de 03 a 05 de Março, das 12:00 às 21:30, o bilhete de acesso custa 2 euros com acesso ao 1º piso e à arena.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.