Esposende: GNR deteve homem para cumprimento de 11 anos de prisão

O Comando Territorial de Braga, através do Núcleo de Investigação Criminal de Barcelos, no dia 9 de Agosto, deteve um homem com 45 anos, em Esposende, para cumprimento de pena de prisão de 11 anos, a que havia sido condenado pela prática do crime de burla e falsificação de documentos.

No âmbito de um mandado de detenção para cumprimento de pena de prisão, para além do detido, foram ainda identificados três homens, com idades entre os 14 e 21 anos, e uma jovem de 17 anos, que se presume que se dediquem de forma continuada à pratica de crimes de burla e falsificação de documentos. O grupo adquiria, com cheques falsos, viaturas a particulares em vários pontos do país, que se encontravam à venda em plataformas online de compra e venda de bens.

No decorrer das diligências foi realizada uma busca domiciliária onde foram apreendidos:

· Um selo branco;

· Vários carimbos para inscrições em cheques;

· Material de corte/medição de papel e impressoras;

· 11 telemóveis;

· 4 010 euros em dinheiro;

· Materiais relacionados com a compra de viaturas no Algarve e em Aveiro.

Foi ainda recuperada uma viatura adquirida através de burla e falsificação de documentos, há cerca de um ano no distrito de Viana do Castelo, no valor de 14 mil euros.

O detido foi conduzido ao Estabelecimento Prisional de Custóias.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.