Farmácias alertam para cuidados com a saúde íntima

As farmácias vão ser as protagonistas de uma campanha de sensibilização e informação sob o lema “Vamos ser íntimos pela sua saúde”, com o objetivo de alertar a população portuguesa para a problemática das doenças cariz íntimo e sexual.

Este tipo de doenças afeta anualmente cerca de 400 milhões de pessoas em todo o mundo, sendo, no entanto, ainda bastante desvalorizadas ou subestimadas por quem as sofre. Em Portugal, estima-se que a Vaginose Bacteriana afete entre 5% a 15% das mulheres e que 3 em cada 4 mulheres sofram pelo menos um episódio de Candidíase Vulvovaginal ao longo da sua vida.
 
Pelo seu cariz muito particular e sensível, muitas pessoas não se sentem confortáveis a abordar estas doenças, menosprezando os primeiros sinais e sintomas. Contudo, o Farmacêutico, pela relação de confiança e proximidade que estabelece com os seus utentes, pode ser um primeiro elo de contacto privilegiado para ajudar a identificar precocemente sintomas.

Em paralelo, a Farmácia é o local onde se pode adquirir produtos de saúde íntima com garantia de qualidade. A automedicação e a compra de medicamentos online sem aconselhamento devem ser evitadas, sob risco de se adquirir produtos que não tratem a patologia, ou pior, que agravem ou induzam efeitos secundários nocivos.

A campanha, para além de abordar as principais doenças de cariz sexual, destaca ainda a prevenção, através de bons hábitos de higiene íntima, como fator fundamental para evitar o aparecimento e proliferação destas doenças.

A campanha reveste-se também de uma vertente informativa e formativa, procurando clarificar os diferentes tipos e origens, bem como explicar de que forma os utentes podem participar mais ativamente no seu próprio tratamento, de forma a potenciar os efeitos do mesmo e melhorar os resultados.

O promotor desta campanha de divulgação é a Cooprofar – Cooperativa dos Proprietários de Farmácia juntamente com as Farmácias, com o apoio da farmacêutica Perrigo, que lançam assim uma campanha de sensibilização em 1200 destes espaços de saúde.

Vai ser também organizado um conjunto de ações de formação destinado a profissionais de farmácia, com o objetivo de dotá-los de maiores competências para ajudar os seus utentes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.