GNR Bragança deteve 3 homens por posse de armas proibidas

O Comando Territorial de Bragança, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Mirandela, ontem, dia 21 de maio, deteve três homens, com idades entre os 54 e 67 anos, por posse ilegal de armas de fogo e posse de armas proibidas, em Mirandela e Carrazeda de Ansiães.

A operação realizada no âmbito de quatro investigações criminais, relacionadas com ameaças com arma de fogo e verbais contra cidadãos, traduziu-se no cumprimento de cinco mandados de busca domiciliária e cinco em anexos e armazéns, tendo permitido apreender:

Duas espingardas caçadeiras;
Uma pistola;
Uma pistola transformada;
Duas pistolas de alarme;
300 munições de vários calibres;
Uma cartucheira;
Sete armas brancas;
Um bastão;
Uma foice;
Uma serra;
Diversa documentação.
Apenas uma das armas tinha documentação legal, todas as outras estavam em situação ilegal ou eram proibidas.

Os suspeitos foram constituídos arguidos, tendo os factos sido remetidos para o Tribunal Judicial de Mirandela.

A operação contou com o reforço de militares de várias valências do Comando Territorial de Bragança.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.