GNR coloca Operação ‘Peão em Segurança’ em marcha durante dois dias

Hoje, dia 14 e amanhã, dia 15 de Janeiro, a Guarda Nacional Republicana (GNR) irá realizar uma operação de trânsito e segurança rodoviária, com especial incidência nos distritos de Aveiro, Braga, Faro, Lisboa, Porto e Setúbal, através da execução de acções de fiscalização e sensibilização, com o objectivo de contribuir para a melhoria das condições de segurança e mobilidade dos peões, incutir comportamentos mais seguros por parte de todos os utentes e prevenir a ocorrência de acidentes de viação por atropelamento.

Da análise dos dados da sinistralidade no ano 2019, a GNR registou 2 467 atropelamentos, que provocaram 54 vítimas mortais e 228 feridos graves, o que representa um aumento de 4% no número de vítimas graves relativamente ao ano anterior.

Neste período do ano, os atropelamentos assumem uma particular preocupação, devido ao facto do maior volume de tráfego automóvel e pedonal coincidir com o período do anoitecer ou início da noite (17:00-20:00), contribuindo para este tipo de sinistralidade a visibilidade reduzida, a condução distraída, sob stress ou fadiga, ou ainda o menor cuidado no atravessamento da via por parte dos peões. O estacionamento indevido sobre os passeios ou nas passagens assinaladas para a travessia de peões, contribui também para o risco associado ao trânsito de peões e potencia a ocorrência de atropelamentos, na medida em que lhes retira o espaço que lhe é destinado para a circulação e diminui a visibilidade aos condutores no momento do atravessamento da via

Esta operação decorre paralelamente com a campanha da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária “Atenção aos Peões. Não atropeles os teus planos” que tem como objectivo alertar condutores e peões para a importância de cumprirem as regras de segurança rodoviária e de redobrarem cuidados na estrada, garantindo uma coexistência segura, sem atropelamentos.

Assim, para fazer face a estes números, a GNR incidirá a sua fiscalização sobre:

Estacionamento indevido nos passeios e em outros locais destinados ao trânsito de peões;

Estacionamento a menos de 5 metros ou em passagem assinalada para a travessia de peões;

Desrespeito pela sinalização luminosa;

Excesso de velocidade;

Condução sob a influência do álcool;

Não utilização dos sistemas de iluminação e sinalização, ou que apresentem anomalias;

Utilização indevida do telemóvel.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.