Governo reforça Cuidados Intensivos com 202 camas e 350 enfermeiros devido à Covid-19

Os cuidados intensivos vão ser reforçadas com mais 202 camas e vão ser contratados mais 350 enfermeiros para estas unidades do Serviço Nacional de Saúde (SNS), anunciou este sábado o primeiro-ministro.
António Costa falava aos jornalistas após um Conselho de Ministros extraordinário que decidiu novas medidas restritivas para controlar o aumento de casos de indecção com o vírus da covid-19 no país.

O primeiro-ministro avançou que as Unidades de Cuidados Intensivos (UCI) vão ser reforçadas agora com 52 camas, 50 até ao final de dezembro e as restantes 100 em janeiro de 2021.

Texto: Lusa

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.