Lisboa: Detido carteirista internacional em espaços hoteleiros e comerciais

O Comando Metropolitano de Lisboa da PSP, através da Divisão de Investigação Criminal, no dia 21 de Dezembro, procedeu à detenção de um homem estrangeiro com 57 anos de idade, suspeito da prática de dois crimes de furto.

O suspeito, por volta das 16:25, furtou uma mala contendo um telemóvel e bens pessoais na zona do Saldanha, em Lisboa. Na posse destes bens e em fuga, acaba por encontrar refúgio no hall de entrada de um hotel contíguo, de onde acaba por subtrair bens a um hóspede que estava a fazer o registo de entrada naquele momento. Todas estas acções foram levadas a cabo de forma discreta, sem que as vítimas se apercebessem.

A PSP, com um especial dispositivo de segurança nestas zonas comerciais, face à actual época do ano, rapidamente alocou investigadores à ocorrência, que munidos de informação singular que apontava para que fosse este o suspeito, conseguiram rapidamente detectá-lo no interior do hotel, logo após o cometimento do segundo furto, acabando por efectivar a sua detenção.

O suspeito, que já vinha a ser investigado desde Setembro do presente ano, foi assim correlacionado com 10 furtos no total, 9 deles efectuados em hotéis de Lisboa e um contra turistas, tendo arrecadado bens no valor de cerca de 13.000 euros com esta prática ilícita. O mesmo introduzia-se ilicitamente nas zonas de check-in, refeições e trânsito de clientes de hotéis, e aproveitando o frenesim sintomático destas áreas, subtraía malas e bagagens das pessoas que ali se iam instalar.

Através da investigação apurou-se que o mesmo é conhecido pela Europa como sendo um carteirista internacional, especialista nesta tipologia criminal, encontrando-se no nosso país com único fito de cometer crimes contra turistas. Conta com vários registos de crimes cometidos em vários países da Europa, nomeadamente na Bélgica, Holanda, Finlândia, Suíça e França.

Assim, presente em Tribunal foi-lhe aplicada a medida de coação mais gravosa, de Prisão Preventiva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.