Lisboa: Metro encerra átrio sul da estação Praça de Espanha, por oito meses

A estação Praça de Espanha vai encerrar o átrio Sul a partir de hoje, dia 3 de Julho, por um período estimado de oito meses, devido à interferência das obras relativas à Unidade de Execução do Parque Urbano da Praça de Espanha, a cargo da Câmara Municipal de Lisboa.

Durante este período temporário, o acesso à estação faz-se através do átrio Norte, situado junto à Av. Columbano Bordalo Pinheiro.

A obra implica a demolição do acesso norte do átrio Sul da estação Praça de Espanha do Metropolitano de Lisboa, e sua posterior reconstrução num novo alinhamento (este/oeste), permitindo servir melhor os clientes que provêm ou que pretendem utilizar a futura paragem dos autocarros urbanos sita na Av. Columbano Bordalo Pinheiro e o acesso das pessoas ao Instituto Português de Oncologia (IPO), passando a estar integrado no novo arranjo à superfície do Parque Urbano.

A entrada do acesso Sul do átrio Sul também será alvo de uma reabilitação, com vista à sua integração paisagística no novo arranjo à superfície do Parque Urbano, mantendo-se a localização e alinhamento actuais do acesso. Essa entrada continuará, igualmente, a servir o interior do Parque Urbano e garantirá a ligação à futura ponte pedonal com origem na Av. António Augusto de Aguiar/Jardim da Fundação Calouste Gulbenkian, que se alinhará geograficamente com este acesso.

Posteriormente a estação será alvo de um projecto de reabilitação que será oportunamente divulgado pela empresa, que visa melhorar a estação, adequando-a aos padrões de mobilidade e de acessibilidade actuais, bem como a sua integração paisagística no novo arranjo à superfície do futuro Parque Urbano da Praça de Espanha.

O Metropolitano de Lisboa agradece a compreensão dos seus clientes para os eventuais inconvenientes que este encerramento temporário do átrio Sul da estação possa causar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.