Lisboa: PJ deteve homem por crimes de incêndio

A Polícia Judiciária, através da Directoria de Lisboa e Vale do Tejo, deteve um homem, de 20 anos de idade, por fortes indícios da prática de vários crimes de incêndio.

Os factos delituosos ocorreram durante o presente mês, consumando-se em seis veículos automóveis incendiados na mesma via – Rua da Junqueira -, sendo o último cometido no passado dia 23, quando o presumível autor, por razões fúteis, ateou fogo a uma viatura, danificando outras três e provocando, também, danos de relevo na fachada de um imóvel.

Só a pronta intervenção dos bombeiros evitou consequências mais graves para as restantes viaturas parqueadas na via pública e para os imóveis circundantes.

O detido reside nas imediações e encontrava-se sujeito a medida coactiva processual de obrigação de permanência na habitação, devido à prática anterior de crimes contra o património.

Contudo, violando tal medida, ausentava-se, de madrugada, para atear os fogos e voltava à residência, com a maior celeridade, para evitar a sua detecção.

Estas condutas provocaram um elevado e justificado sentimento de insegurança e medo aos residentes na zona.

A investigação contou com a colaboração da Polícia de Segurança Pública.

O detido será presente, hoje, a primeiro interrogatório judicial, no qual será sujeito à aplicação das medidas de coação processual adequadas.

Fonte: PJ

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.