Luz by Chakall: O Vinho mais caro do mundo está a caminho de uma garrafeira com 115 referências

Na Porta 10 do Estádio da Luz está localizado, agora, o Luz by Chakall. Um espaço no qual podemos relaxar, vibrar, conversar, tomar um copo, uma refeição mais prolongada, petiscar, conviver e tudo isto…com vista privilegiada para a ‘Catedral’, como é conhecido o Estádio do Sport Lisboa e Benfica.

Aberto desde 24 de Outubro, o restaurante tem servido almoços desde o início e jantares desde o princípio do mês de Novembro. Supremas pizzas, qualitativa carne argentina e irresistíveis petiscos portugueses são os destaques, não devendo os visitantes ignorar as viciantes sobremesas.

E para breve está a chegada do vinho mais caro do mundo, o Liber Pater, à garrafeira que em breve terá 115 referências, uma por cada ano do Sport Lisboa e Benfica.

Chakall em discurso directo…

Em conversa com o Infocul, Chakall começou por nos dizer, feliz, que este novo projecto está a correr “surpreendentemente bem. Estamos a abrir ao almoço desde o principio e ao jantar desde o início de Novembro. Os almoços têm estado muito compostos, quase sempre cheio e não temos assim tantos lugares (80 para já…), e os jantares também estão a funcionar agradavelmente bem”.

Por entre o espaço, esteticamente bem conseguido, destaca-se a garrafeira, que “agora ainda não está completa mas vamos ter 115 garrafas. Uma garrafa por cada ano do Benfica. E vai chegar aqui o vinho mais caro do mundo, também, na próxima semana. O Liber Pater e custa acima de 30 mil euros por garrafa”.

Sobre este vinho, e a quantidade que espera vender, disse “talvez uma por ano, uma de dois em dois anos. Algum dia venderemos, alguém quererá festejar um título, pois não há muitos lugares onde possas beber este tipo de vinhos. Em Lisboa será o segundo lugar”.

Um lugar no qual agrega gastronomia de três países, com “três equipas nacionais na cozinha. Três países com muita história no futebol e juntos no restaurante”.

O conceito partiu “da minha cabeça. Pensei em juntar os conceitos que tenho no El Bulo (carnes) e L’Origine e Refeitório do Sr. Abel (Pizzas) e depois temos aqui o Benfica, portanto tem de ter uma conotação portuguesa forte e eu adoro peticos portugueses e portanto coloquei-os nas entradas”.

Sobre os petiscos portugueses, revelou que “gosto de todos, porque se estão na carta é porque eu gosto”.

Sugerimos…

Destacamos, por termos degustado, as bolinhas de alheira e panko (com alheiras de Mirandela com molho de mostarda e mel), os croquetes 1904 (mencionando o ano da fundação do Sport Lisboa e Benfica, confeccionados com carne de vaca cozida a baixa temperatura e desfiada), como Kick Off.

Irresistível, Aimar que o diga, é Provoleta (queijo provolone, azeite e orégãos- servido quente).

Mas logo como entrada aconselhamos a não descurar o couvert constituído por Focaccia, manteiga de ervas e vinho tinto, azeite.

No Luz by Chakall pode também saborear Picanha Argentina…à Brasileira (parece estranho mas sabe bem), servida com feijão, mandiquinha frita e arroz.

Para sobremesa…a escolha é complicada. Deixamos algumas sugestões: Crème Brulée de chai late, Panna Cotta de erva limão, mini churro com doce de leche ou nutella.

A carta pode ser consultada AQUI e AQUI.

O Espaço…

Este novo espaço de restauração nasce de uma parceria entre a Kofler Portugal e Chakall.

Localização:

Luz by Chakall – Estádio Sport Lisboa e Benfica – Porta 10

Av. Eusébio da Silva Ferreira – 1500-313 Lisboa-Portugal

Tel: +351 211 575 808 I Mail: reservas@restauranteluz.com

Horário de funcionamento:

Almoços: 12:00 – 15:00

Jantares (quintas, sextas e Sábados): 19:00 – 23:00 (último pedido cozinha: 22h00)

Encerra ao domingo

Dias de jogo: consultar redes sociais e/ou contactos telefónicos e mail para mais informações (acesso para quem tenha Red Pass ou bilhete para o piso 1)

 

Texto e Entrevista: Rui Lavrador
Fotografias: Nuno de Albuquerque

Rui Lavrador

Iniciou em 2011 o seu percurso em comunicação social, tendo integrado vários projectos editoriais. Durante o seu percurso integrou projectos como Jornal Hardmúsica, LusoNotícias, Toureio.pt, ODigital.pt, entre outros Órgãos de Comunicação Social nacionais, na redacção de vários artigos. Entrevistou a grande maioria das personalidades mais importantes da vida social e cultural do país, destacando-se, também, na apreciação de vários espectáculos. Durante o seu percurso, deu a conhecer vários artistas, até então desconhecidos, ao grande público. Em 2015 criou e fundou o Infocul.pt, projecto no qual assume a direcção editorial.

Rui Lavrador has 6441 posts and counting. See all posts by Rui Lavrador

Rui Lavrador

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.