Manifestação Anti-Racismo com várias críticas: “Onde está o distanciamento social?

Está a criar polémica, e um rol de críticas, a manifestação ontem levada a cabo em Lisboa e Porto contra o racismo. Não pelo motivo da manifestação, mas por não terem sido respeitadas as regras de distanciamento social que se exigem nesta altura, devido à pandemia provocada pela COVID-19.

Ontem, centenas de pessoas decidiram manifestar-se na Alameda contra o racismo, no entanto, não foi respeitada a distância de segurança indicada pelas autoridades.

As reacções nas redes sociais não se fizeram esperar, desde o jornalista António Esteves, ao apresentador Jorge Gabriel e até o deputado André Ventura.

Realmente, não se percebe porque é que a situação em Lisboa é tão grave. Manifestação na Alameda, em Lisboa. Esta tarde”, escreveu António Esteves, jornalista da RTP no Facebook.

Realmente, não se percebe porque é que a situação em Lisboa é tão grave.Manifestação na Alameda, em Lisboa. Esta tarde.

Publicado por António Esteves em Sábado, 6 de junho de 2020

Existirá alguma alma caridosa que me explique o que é distanciamento social? Até eu que não sou propriamente cliente de festivais de música sugiro que se marquem alguns ainda para este verão”, começou por afirmar Jorge Gabriel, antes de acrescentar, “e já agora, como vou estar em Lisboa na sexta feira, reabram os estádios de futebol que eu aproveito para ir ver o Sporting. Talvez eu esteja mesmo é muito confuso…”.

O deputado do Chega!, André Ventura, recorreu ao Twitter para várias publicações. Destacam-se “Pronto já está, já brincaram um bocado e disseram todos os disparates. Agora é tempo de voltar para casa e trabalhar para pagar impostos e relançar a economia. As vossas mães estão à espera!” e ainda “Os manifestantes anti-racismo foram à sede do Bloco de Esquerda mas esqueceram-se de passar na Quinta da Fonte. Típico. Podiam ter aproveitado era para apagar alguns graffitis nas estações de comboios. Aí sim eram úteis…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.