MAR Shopping doa 7.500€ a primeira Unidade de Cuidados Paliativos para Crianças

Sandra Monteiro, Teresa Fraga e Ana Pereira

 

Há realidades que custam a aceitar. Num mundo ideal não haveria necessidade de uma unidade de cuidados paliativos para crianças, mas há. Meninos com doenças crónicas graves encontraram uma casa. Ou melhor, um “kastelo” de afetos e cuidados, e não apenas para si, mas também para as suas famílias. Porque o mundo não é ideal, o que o torna um sítio melhor é a solidariedade. Consciente disso, o MAR Shopping Matosinhos irá doar 7.500€ ao Kastelo, em Matosinhos, a primeira Unidade de Cuidados Integrados Pediátricos que engloba crianças do zero aos 18 anos.

 

 

O donativo resulta da ação de responsabilidade social do último Natal em que cada entrada de 1€ no “Palácio A Bela e o Monstro no Gelo” revertia para apoiar o Kastelo. Foram angariados 2.500€, aos quais o MAR Shopping juntou mais 5.000€, perfazendo o total de 7.500€.

 

 

Inaugurado no dia 24 de junho do ano passado pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, o Kastelo, da Associação Nomeiodonada, é uma resposta única na Península Ibérica e o quarto centro do género na Europa. Atualmente tem 15 crianças com doença crónica. O valor angariado será usado para ajudar a equipar o Kastelo de equipamentos essenciais ao desenvolvimento cognitivo e sensorial destas crianças.

 

 

Para a presidente da associação Nomeiodonada e enfermeira responsável “a solidariedade do MAR Shopping veio dar vida aos dias, sendo um fator de esperança para as crianças do Kastelo“, refere Teresa Fraga.

 

 

O MAR Shopping procura contribuir para causas, mais do que para instituições. Mas a associação Nomeiodonada e o ‘Kastelo’ é, em si própria, uma das causas mais nobres nas quais já tivemos oportunidade de participar. É, claro, que não o teríamos conseguido sem a contribuição dos nossos clientes, essenciais para chegarmos a este valor e a quem gostaríamos de agradecer”, afirma Sandra Monteiro, diretora-geral do MAR Shopping.

Rui Lavrador

Iniciou em 2011 o seu percurso em comunicação social, tendo integrado vários projectos editoriais. Durante o seu percurso integrou projectos como Jornal Hardmúsica, LusoNotícias, Toureio.pt, ODigital.pt, entre outros Órgãos de Comunicação Social nacionais, na redacção de vários artigos. Entrevistou a grande maioria das personalidades mais importantes da vida social e cultural do país, destacando-se, também, na apreciação de vários espectáculos. Durante o seu percurso, deu a conhecer vários artistas, até então desconhecidos, ao grande público. Em 2015 criou e fundou o Infocul.pt, projecto no qual assume a direcção editorial.

Rui Lavrador has 6769 posts and counting. See all posts by Rui Lavrador

Rui Lavrador

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.