Mercado da Corte regressa a Cascais

Mercado da Corte 2016 2

 

Entre os dias 26 e 28 de maio, o Mercado da Vila de Cascais viaja no tempo até ao século XIX, mais concretamente ao Mercado do Ferro que se realizava à época na vila. Vindos de várias freguesias e concelhos vizinhos, os agricultores e artesãos iam até Cascais vender os seus produtos caseiros como pão, fruta, hortaliças, enchidos, azeite, vinho, mel, entre outros.

 

 

Após o sucesso da 1ª edição do Mercado da Corte, em 2016, a história repete-se neste último fim-de-semana de maio, com o espírito do século XIX a invadir o Mercado da Vila através da recriação de momentos e ambientes protagonizados pelos saloios do Mercado e profissionais da altura – Amola Tesouras, Canastreiro, Cesteiro, Licoreiro, Moleiro, Oleiro, Perfumista, Queijeiro, Sapateiro, Tecedeira e até um vendedor da banha da cobra por lá vai andar.

 

 

Para relembrar o século XIX, não poderia faltar neste Mercado, como o próprio nome indica, a Corte: o Rei D. Carlos e a Rainha D. Amélia estarão “presentes”. Há ainda uma exposição de carroças de tração animal da época, e com elas burros, ovelhas, galinhas, o que faz deste evento um programa interessante para toda a família e uma verdadeira descoberta para as crianças.

 

 

Irá também prolongar-se durante os três dias um pequeno Mercado Saloio, com venda de produtos frescos e tradicionais como frutos secos, vegetais de produção própria, enchidos, frutas, especiarias, entre outros. O ambiente de taberna será vivido numa zona de gastronomia instalada para o evento. 

 

 

Ao longo deste fim-de-semana, o Mercado da Corte irá proporcionar aos visitantes alguns momentos de animação musical com Ranchos, nas noites de sexta-feira e sábado. Para miúdos e graúdos, não vão faltar os clássicos “Teatros de Robertos”, que acontecem no domingo às 16 e às 18:30 horas.

 

 

Entrada gratuita

Horários: Sexta-feira das 17h às 22h; sábado das 10h às 22h; e domingo das 12h às 20h.

Deslocação: A CP associa-se ao Mercado da Vila durante este fim-de-semana e será possível os visitantes fazerem a viagem de ida e volta ao Mercado da Corte de comboio pelas linhas de Cascais, Sintra/Azambuja e Sado pelo preço de 2€.

Estacionamento: O Mercado da Vila tem parque de estacionamento.

Rui Lavrador

Iniciou em 2011 o seu percurso em comunicação social, tendo integrado vários projectos editoriais. Durante o seu percurso integrou projectos como Jornal Hardmúsica, LusoNotícias, Toureio.pt, ODigital.pt, entre outros Órgãos de Comunicação Social nacionais, na redacção de vários artigos. Entrevistou a grande maioria das personalidades mais importantes da vida social e cultural do país, destacando-se, também, na apreciação de vários espectáculos. Durante o seu percurso, deu a conhecer vários artistas, até então desconhecidos, ao grande público. Em 2015 criou e fundou o Infocul.pt, projecto no qual assume a direcção editorial.

Rui Lavrador has 6782 posts and counting. See all posts by Rui Lavrador

Rui Lavrador

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.