Ministério da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural destaca menos 46% de incêndios rurais e menos 70% de área ardida relativamente à média anual do período

 

O Ministério da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, deu a conhecer esta semana que a área ardida desceu 70% em relação à média dos últimos 10 anos.

O Ministério baseia-se nos dados do 8.º Relatório Provisório de Incêndios Rurais de 2019 que, revelam que o número de incêndios e a área ardida em Portugal continuam a baixar, pelo segundo ano consecutivo.

Comparando os valores do ano de 2019 com o histórico dos 10 anos anteriores, assinala-se que se registaram menos 46% de incêndios rurais e menos 70% de área ardida relativamente à média anual do período.

O ano de 2019 apresenta, até ao dia 15 de outubro, o segundo número mais reduzido de incêndios, a segunda mais reduzida área ardida e é a primeira vez, desde 2009, que a redução de área ardida ocorre em dois anos consecutivos.

Em termos absolutos, a Base de Dados Nacional de Incêndios Rurais regista, no período compreendido entre 01 de janeiro e 16 de outubro de 2019, um total de 10 841 incêndios rurais, que resultaram em 41 622 hectares de área ardida, entre povoamentos (21 163 ha), matos (15 782 ha) e área agrícola (4 677 ha).

Esta tendência só é possível graças ao esforço coletivo em que se têm envolvido as populações, com particular destaque para os agricultores e produtores florestais, cujo esforço merece o reconhecimento pelo Ministério da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.