Montemor-o-Velho: GNR apreendeu armas em processo de violência doméstica

O Comando Territorial de Coimbra, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE), no dia 5 de Março, apreendeu armas no âmbito de um processo de violência doméstica, no concelho de Montemor-o-Velho.

No âmbito de uma investigação, os militares apuraram que a vítima, um homem de 51 anos com paralisia cerebral, sofreu agressões físicas e psicológicas por parte do seu pai com quem vivia, um homem de 73 anos, havendo ainda a suspeita de ter em sua posse armas de fogo e catanas. No seguimento das diligências policiais, foi realizada uma busca domiciliária que permitiu apreender:

· Três catanas;

· Uma espingarda, calibre 12;

· Uma arma de ar comprimido;

· Três cartuchos calibre 12;

Os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Montemor-o-Velho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.