Município de Avis inaugura obra de conservação da Capela de Nossa Senhora d’Entre Águas

O Município de Avis inaugura no próximo domingo, dia 18 de Agosto, pelas 10:30, a obra de conservação da Capela de Nossa Senhora d’Entre Águas, em Benavila, que contará com a bênção do Arcebispo Metropolitano de Évora, D. Francisco José Vilas Boas Senra de Faria Coelho.

A obra a inaugurar resultou de um protocolo estabelecido entre o Município de Avis, a Fábrica da Igreja Paroquial de Benavila e a Direcção-Geral das Autarquias Locais, tendo como objectivo preservar aquele que é um dos elementos do património edificado mais emblemático do Concelho de Avis e que se encontrava num avançado estado de degradação. Orçamentada em cerca de 130.000 euros, a intervenção foi financiada em 85.000 euros pela autarquia e o restante valor pela Administração Central. Os serviços municipais elaboraram também o projecto e efectuaram o acompanhamento dos trabalhos.

A intervenção incidiu sobretudo na cobertura, passando pela substituição das peças de madeira degradadas e das telhas existentes por telhas de canudo, devolvendo alguns dos traços da construção original perdidos em intervenções anteriores. Foram substituídos os vãos de portas e janelas e procedeu-se à reabertura do vão lateral da capela-mor. Foi instalada nova caixilharia em madeira na capela e em chapa de ferro pintada nos anexos, mantendo o desenho previamente existente. A caixilharia da porta principal foi conservada e reforçada pelo interior com chapa de aço. O pavimento do alpendre exterior em tijoleira foi substituído. No alpendre e no interior da capela foi instalada iluminação adequada ao espaço. Um dos anexos foi adaptado de forma a criar uma instalação sanitária.

No decurso do acompanhamento arqueológico da obra foram iniciados trabalhos de prospecção que confirmaram a existência de um extenso núcleo pintural tardo-medieval no interior da capela com relevante interesse histórico. Trata-se de um conjunto de valor excepcional devido ao estado de conservação, à extensão da área pintada, ao contexto cronológico, à qualidade da execução e ao enquadramento histórico-artístico.

A Capela de Nossa Senhora d’Entre Águas foi construída no século XV e deve o seu nome ao facto de se situar na confluência de duas ribeiras: de Seda e da Sarrazola, hoje unidas na Albufeira do Maranhão. Possui uma arquitectura distinta, marcada pelos arcos que apresenta na frontaria e no lado sul. Neste templo encontra-se uma lápide do período romano que está classificada como Monumento Nacional desde 1910.

Segundo os registos históricos a imagem de Nossa Senhora que ali se encontrava era milagrosa, fazendo deste local um santuário ao qual rumavam muitos peregrinos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.