O Barranquenho: Câmara de Barrancos tem protocolo com duas universidades para defender e preservar a língua

Foto: Terras sem Sombra

Além do português, em Barrancos fala-se barranquenho. E é de modo a preservar esta identidade cultural que a câmara estabeleceu um protocolo com duas conceituadas universidades, de modo a manter e a preservar esta língua.

João António Serranito Nunes, presidente da Câmara Municipal de Barrancos, deu conta disso mesmo ao Infocul.

À parte do Festival Terras sem Sombra, disse-nos que “a Câmara, posso desde já dizer-lhe, tem uma preocupação grande. Sei que estamos num mundo global, que a cultura está padronizada que amanhã tudo tenderá a ser igual. Nós, apesar de ainda hoje ser uma língua viva e os melhores falantes serem os miúdos antes de entrarem para a escola, queremos e estamos a desenvolver um protocolo com instituições científicas, nomeadamente com a Universidad Complutense de Madrid e a Universidade de Évora, no sentido de o Barranquenho ser uma língua estruturada que tenha um dicionário, uma gramática, uma grafia perfeitamente natural e que possa ser expressa através de ensino na escola”.

O objectivo é “escreverem-se histórias, traduzirem-se histórias, publicar-se em barraquenho. Como um valor! Ou seja, a câmara está a fazer um esforço financeiro grande nesse sentido, mas sempre pensando que deve ser um valor a preservar, deve ser o elevar da auto-estima da comunidade e que não pode perder este valor de forma nenhuma, que é o resultado da convivência de Portugal e Espanha e fruto do seu isolamento geográfico”.

Rui Lavrador

Iniciou em 2011 o seu percurso em comunicação social, tendo integrado vários projectos editoriais. Durante o seu percurso integrou projectos como Jornal Hardmúsica, LusoNotícias, Toureio.pt, ODigital.pt, entre outros Órgãos de Comunicação Social nacionais, na redacção de vários artigos. Entrevistou a grande maioria das personalidades mais importantes da vida social e cultural do país, destacando-se, também, na apreciação de vários espectáculos. Durante o seu percurso, deu a conhecer vários artistas, até então desconhecidos, ao grande público. Em 2015 criou e fundou o Infocul.pt, projecto no qual assume a direcção editorial.

Rui Lavrador has 6747 posts and counting. See all posts by Rui Lavrador

Rui Lavrador

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.