Paulo Campos Costa e o novo conceito da EDP: “Isto foi uma ideia que eu tive ao longo dos últimos 3 anos”

 

 

No final da apresentação do novo conceito da EDP na música e no desporto, o Infocul falou com Paulo Campos Costa, director coordenador global de marca, marketing e comunicação da EDP.

Sobre os camiões, começa por nos dizer que “já falamos em camiões, já parece que é uma coisa que é vulgar. São três semi-trailers de 15 metros que estão divididos em três áreas distintas e no total estamos a falar de 70 toneladas”.

Explica que “isto foi uma ideia que eu tive ao longo dos últimos 3 anos pelo que eu fui vendo, há camiões que abriam para o lado, outros subiam um piso e eu pensei porque não fazer isto com 3 pisos porque há sempre esta coisa de precisar de mais espaço dentro e começámos a pensar, falei com o projectista, lançámos um concurso internacional, como à pouco disse. Chegamos a uma shortlist de três empresas, uma espanhola e duas portuguesas e chegamos à escolha final e estávamos a falar de preços, que é uma coisa importante porque tenho um orçamento para cumprir”.

Sobre o parceiro escolhido disse que “durante seis teve quarenta pessoas a trabalhar em exclusivo para isto, está tudo homologado, tem matricula, foi uma coisa que nós conseguimos montar pela primeira a estrutura toda no Alive, e tivemos a sorte que o Alive ser um recinto de chão firme, é cimento, portanto as próprias sapatas que são hidráulicas que vieram de Itália, para termos uma ideia isto é autónomo em termos de energia, não precisamos de ligar à corrente, temos geradores que são da Ferrari, isto é uma coisa que foi pensada com cabeça desde o primeiro dia. E hoje é muito gratificante chegar-se aqui a ver se as coisas funcionam, estamos a acabar pormenores mas toda a gente está acabar. As pessoas da EDP não estavam habituadas, nós uma semana antes estávamos prontos. Nós mudarmos é um desafio, é mais desconfortável, mas depois é muito gratificante ver que as pessoas gostam e se sentem bem nesta nova casa, que é uma casa de todos nós”.

Rui Lavrador

Iniciou em 2011 o seu percurso em comunicação social, tendo integrado vários projectos editoriais. Durante o seu percurso integrou projectos como Jornal Hardmúsica, LusoNotícias, Toureio.pt, ODigital.pt, entre outros Órgãos de Comunicação Social nacionais, na redacção de vários artigos. Entrevistou a grande maioria das personalidades mais importantes da vida social e cultural do país, destacando-se, também, na apreciação de vários espectáculos. Durante o seu percurso, deu a conhecer vários artistas, até então desconhecidos, ao grande público. Em 2015 criou e fundou o Infocul.pt, projecto no qual assume a direcção editorial.

Rui Lavrador has 6328 posts and counting. See all posts by Rui Lavrador

Rui Lavrador

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.