sushifish01

 

Em Outubro Peniche é o grande palco do melhor do surf mundial. Venha assistir ao vivo e a cores ao MEO RIP CURL PRO PORTUGAL e, de caminho, conheça aquele a que muitos chamam “o melhor sushi do Oeste”.

 

 

Entre 18 e 29 de Outubro é em Peniche que estacionam os melhores 34 surfistas do planeta. Atrás deles vêm aficionados de todos os cantos do mundo que querem ver de perto os seus ídolos em ação e (quem sabe!) partilhar com eles uma sessão de freesurf nas horas vagas da competição.

 

 

O Sushi Fish assiste de camarote a este saudável corrupio e já está mais do que a postos para receber os adeptos de bom surf e de ótimo sushi – entre eles alguns dos melhores surfistas do mundo que, ano após ano, têm escolhido o Sushi Fish como um dos favoritos na região.

 

 

Para estar à altura das expectativas de quem o visita, o restaurante não poupa em aspectos essenciais como a qualidade e frescura do peixe – que vem diretamente da lota de Peniche – , a versatilidade dos sushimen, a simpatia e dedicação do staff, nem tampouco no conforto do restaurante.

 

 

Da carta constam os costumeiros tártaros, temakis, tempuras, nigiris, gunkans e gyozas, bem como os combinados que misturam sushi e sashimi. Outras propostas bastantes requisitadas são o crepe roll, o ajitataki (carapau picado com pasta de miso, gengibre ralado e cebolinho) ou o fotogénico e muito saboroso usuzuruki de peixe branco (fatias finíssimas de peixe sobre gelo).

 

 

Mesmo que o principal motivo da sua visita seja o MEO RIP CURL PRO PORTUGAL, penúltima etapa do circuito mundial de surf,  não deixe de fazer um pouco de turismo e aproveite para matar saudades ou conhecer as praias mimosas aninhadas entre dunas ou falésias; a apetitosa ilha do Baleal; a beleza intocada do arquipélago das Berlengas e o pitoresco centro histórico da cidade piscatória de Peniche. Se não aparecer em Outubro, não se apoquente! Estes cartões postais e o peixe mais saboroso do Atlântico estão por lá o ano inteiro.

Rui Lavrador

Iniciou em 2011 o seu percurso em comunicação social, tendo integrado vários projectos editoriais. Durante o seu percurso integrou projectos como Jornal Hardmúsica, LusoNotícias, Toureio.pt, ODigital.pt, entre outros Órgãos de Comunicação Social nacionais, na redacção de vários artigos. Entrevistou a grande maioria das personalidades mais importantes da vida social e cultural do país, destacando-se, também, na apreciação de vários espectáculos. Durante o seu percurso, deu a conhecer vários artistas, até então desconhecidos, ao grande público. Em 2015 criou e fundou o Infocul.pt, projecto no qual assume a direcção editorial.

Rui Lavrador has 6441 posts and counting. See all posts by Rui Lavrador

Rui Lavrador

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.