Percurso do Contrabando do Café em Marvão

 

 

O Percurso do Contrabando do Café volta a fazer de Marvão um destino apetecível e distinto.

Assim, o município convida-o a que se deixe “absorver pelas paisagens deslumbrantes que envolvem a fronteira entre Portugal e Espanha e por onde, em tempos, se contrabandeavam vários produtos. A rota dos antigos contrabandistas é homenageada a 4 de Maio, em Marvão”.

Em nota enviada às redacções, relembra-se ainda que “durante o Estado Novo, por percursos sinuosos e de madrugada, os contrabandistas cruzavam a fronteira entre Portugal e Espanha transportando café, porcelanas, gomas e até Coca-Cola às escondidas das polícias dos dois lados da fronteira. Estes caminhos vão agora ser redescobertos numa caminhada de 13 km que é uma recriação e uma homenagem a uma profissão de circunstância que se tornou parte da história da raia luso-espanhola”.

Neste poderá desfrutar de “Roteiro turístico e viagem ao passado, o Percurso do Contrabando do Café recorda a principal fonte de rendimento de algumas famílias desta zona, durante boa parte do século XX. Pelos velhos trilhos dos contrabandistas e por localidades historicamente ligadas a esta actividade, os caminhantes vão explorar zonas de grande beleza dos dois lados da fronteira, como Galegos, Pitaranha e La Fontañera”.

O ponto de encontro é o edifício da antiga Alfândega de Porto Roque (Galegos) e a partida está marcada para as 9:00. Antes, os participantes poderão provar as típicas migas de pão com carne de porco frita, acompanhadas de “café do contrabandista”. A inscrição para todo o programa – que além da caminhada inclui seguro, pequeno-almoço e reforço alimentar – é gratuita. Já o almoço é opcional e custa 12€, também com inscrição prévia. Para as inscrições ou para mais informações, contactos através do Posto de Turismo de Marvão: 245 909 131 e turismo@cm-marvao.pt.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.