Porto de Mós: Prisão preventiva para homem que agrediu a companheira durante 38 anos

O Comando Territorial de Leiria, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas, ontem, dia 17 de Dezembro, deteve um homem de 61 anos, pelo crime de violência doméstica, no concelho de Porto de Mós.

Na sequência de diligências de investigação, os militares apuraram que o suspeito, durante os 38 anos da relação conjugal, agredia física, verbal e psicologicamente a sua esposa, uma mulher de 61 anos. Os três filhos do casal, actualmente com idades entre os 35 e 38 anos, também eram vitimas de agressões e ameaçados de morte reiteradamente.

O detido, ontem, dia 17 de Dezembro, foi presente a primeiro interrogatório judicial no Tribunal Judicial de Leiria, onde lhe foi aplicada a medida de coação de prisão preventiva.

Esta acção contou com o reforço de militares do Posto Territorial de Porto de Mós.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.