Portugueses estão a pedir mais empréstimos, revela estudo

 

 

O European Consumer Payment Report, estudo realizado pela Intrum, concluiu que os portugueses têm vindo a aumentar os empréstimos para pagar as suas contas. Nos últimos seis meses, pediram empréstimos de, aproximadamente, 2 239 euros, valor este superior ao ano anterior que atingiu os 1 839 euros, um aumento de quase 22%.

A conclusão do estudo ECPR da Intrum vai ao encontro dos dados divulgados recentemente pelo Banco de Portugal em que refere que, em Portugal, os bancos e as financeiras concederam, durante o mês de Fevereiro, 575 milhões de euros em empréstimos ao consumo, verificando-se um aumento que foi suportado pelo crescimento dos créditos pessoais sem fins específicos. Categoria esta que cresceu em 18 milhões de euros, para perto de 259 milhões de euros.

O estudo da Intrum concluiu ainda que os inquiridos portugueses (37%) continuam a pedir dinheiro emprestado ao banco, um aumento de 12% face ao período homólogo.

Luís Salvaterra, Diretor-Geral da Intrum Portugal afirma que “a verdade é que os empréstimos podem ajudar a alcançar os nossos sonhos, mas é importante fazer uma gestão racional dos recursos e não pedir emprestado para além das nossas capacidades e possibilidades“.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.