PSP deu ordem de detenção a deputado do PS, junto da assembleia da República

O Correio da Manhã revela que o deputado do Partido Socialista, Ascenso Simões, recebeu esta quarta-feira ordem de detenção da PSP na rua de São Bento, junto à Assembleia da República, em Lisboa.

Explica este OCS que o “incidente, confirmado ao CM pelo deputado, surgiu depois de Ascenso Simões ter sido mandar parar junto a umas obras a decorrer naquela artéria. A troca de argumentos verificou-se quando o deputado pretendeu estacionar no parque do parlamento enquanto o agente terá pedido para estacionar no exterior“.

O agente que me havia interpelado veio ao meu encontro e, sem modos, pediu-me a identificação por eu estar a implicar com a autoridade“, disse Ascenso Simões, em declarações reproduzidas pelo Correio da Manhã.

O CM escreve que “uma testemunha ocular confirmou ao CM que existiu uma troca de insultos entre o deputado e os polícias que acabaria por envolver também vizinhos“.

Um cidadão vestido de negro resolveu insultar-me ao que respondi que se tratava de um comportamento fascista, salazarista“, disse o deputado. Um vídeo gravado por uma testemunha dá conta da exaltação do deputado que em plena rua tira satisfações com um morador.

O CM solicitou, e ainda aguarda, um esclarecimento sobre este caso à Direção Nacional da PSP sobre este caso. Já o deputado, por sua vez, informou, o CM, que deu conta deste episódio ao Ministério da Administração Interna e à Inspetora-Geral da Administração do Território.

Ver notícia completa AQUI.

 

Actualização- 19:35, dia 16-9-2020

A PSP emitiu um comunicado sobre o assunto e o qual demos conta AQUI.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.