Quinta dos Carvalhais Colheita Branco 2016_Packshot_sem fundo (01)

 

 

A Sogrape e a Quinta dos Carvalhais têm uma excelente notícia para os apreciadores mais requintados dos grandes vinhos do Dão: a chegada ao mercado do Quinta dos Carvalhais Colheita Branco 2016, um exemplo único da mais sofisticada vitivinicultura portuguesa que enaltece as qualidades de elegância, delicadeza e personalidade distintivas dos brancos desta nobre região.

Uma criação da enóloga Beatriz Cabral de Almeida – que volta a recorrer a leveduras autóctones, isoladas no terroir da Quinta dos Carvalhais e posteriormente selecionadas, criando a possibilidade de produzir um vinho com identidade própria e inimitável.

 

 

 

A fermentação com as leveduras originárias de Carvalhais torna este branco ainda mais entusiasmante e singular, acrescentando valor à oferta já tão rica e diversificada da Quinta dos Carvalhais”, sustenta Beatriz Cabral de Almeida, sublinhando que “estamos perante um vinho feito com enorme paixão e que honra o berço de eleição onde nasceu“.

 

 

 

 

Produzido com uvas das castas Encruzado (70%) e Gouveio (30%) vindimadas em separado, o Quinta dos Carvalhais Colheita Branco 2016 apresenta uma cor amarelo citrino e revela um aroma a limão e lima, nuances de fruta branca e ligeiros apontamentos vegetais. A boca tem volume, frescura e estrutura, com as notas de barrica muito bem integradas – 20% do Encruzado fermentou e estagiou cerca de seis meses em barricas usadas de carvalho francês de 225 litros.

 

 

 

Como todos os bons vinhos brancos de Carvalhais, que ostentam uma acidez natural excecional, também este Colheita 2016, com os seus 13% de volume alcoólico, apresenta-se em boas condições de consumo por um período que chega facilmente aos 8 a 10 anos.

 

 

 

Este vinho é ideal para acompanhar queijos de pasta mole, sendo também uma excelente combinação com pratos de peixe de forno, peixes fumados, carnes brancas e arrozes com calda.

P.V.P- 6,49 euros

Rui Lavrador

Iniciou em 2011 o seu percurso em comunicação social, tendo integrado vários projectos editoriais. Durante o seu percurso integrou projectos como Jornal Hardmúsica, LusoNotícias, Toureio.pt, ODigital.pt, entre outros Órgãos de Comunicação Social nacionais, na redacção de vários artigos. Entrevistou a grande maioria das personalidades mais importantes da vida social e cultural do país, destacando-se, também, na apreciação de vários espectáculos. Durante o seu percurso, deu a conhecer vários artistas, até então desconhecidos, ao grande público. Em 2015 criou e fundou o Infocul.pt, projecto no qual assume a direcção editorial.

Rui Lavrador has 6785 posts and counting. See all posts by Rui Lavrador

Rui Lavrador

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.