Réveillon de Sesimbra volta a atrair milhares de visitantes

cartaz

 

Hoje, o Réveillon de Sesimbra é um dos mais procurados do país e assume-se como um ponto alto do turismo no concelho. A animação de rua, e o fogo-de-artifício sobre a Baía, ao som da música de Mozart, são os principais ingredientes que prometem voltar a encher a vila de Sesimbra.

 

Em 2006, numa perspetiva de contrariar a sazonalidade do turismo em Sesimbra, na altura muito centrado no verão e no Carnaval, a Câmara Municipal começou a desenvolver um conjunto de atividades em diferentes épocas. O reforço do Réveillon de Sesimbra foi uma das primeiras apostas. A vila tinha todas as caraterísticas para receber uma grande festa de passagem de ano, desde o enquadramento geográfico, com a Baía como pano de fundo, à oferta hoteleira e de restauração, passando pela animação nos bares até de madrugada.

 

 

Nesse primeiro ano, no entanto, um grupo de mergulhadores decidiu passar a meia-noite no fundo do mar, e aquilo que começou por ser uma brincadeira entre um grupo de amigos acabou tornar-se no elemento central da passagem de ano em Sesimbra. Desde então, a imagem dos mergulhadores surge sempre ligada ao Réveillon de Sesimbra, não só para divulgar a iniciativa mas para demonstrar a ligação deste concelho ao mar, e para promover um dos destinos de mergulho mais importantes da Europa.

 

 

Nos últimos anos, a vila de Sesimbra tem recebido milhares de visitantes atraídos, não só pelo fogo-de-artifício sobre a Baía, mas também pela animação de rua ao longo da Marginal. Este ano não vai ser exceção, e a Câmara Municipal, em parceria com as juntas de freguesia, hotéis e o Turifórum, grupo de empresários ligados ao turismo, volta a apostar num programa de qualidade.

 

 

O momento alto da noite é o espetáculo piromusical, que tem como título Hino à Vida, assinalando os 260 anos do nascimento de Amadeus Mozart, um dos maiores génios musicais de todos os tempos.

 

 

O fogo-de-artifício, que parte do Pontão junto à Marina de Sesimbra, vai iluminar o céu da Baía ao longo de cerca de 15 minutos. Antes e depois, a animação estará a cargo do DJ Dove, no Largo da Marinha, e do DJ Júlio Costa, no Largo de Bombaldes. A música começa às 22 e só termina às 2 da manhã. Os bares estarão abertos até de madrugada. Tal como no ano passado, por volta das 22.30 horas, os mergulhadores vão sair do Clube Sesimbrense e passar por entre a multidão, antes de se dirigirem para o Porto de Abrigo, onde vão entrar na água e dar continuidade a uma das passagens de ano mais originais do país.

 

 

Estávamos em 2006, e um grupo de amigos, apaixonados pelo mergulho e por Sesimbra decidiu fazer algo completamente diferente: passar as 12 badaladas no fundo da Baía de Sesimbra. A originalidade deste feito foi tal que acabaram na televisão, e aquilo que começou como uma brincadeira foi um sucesso a nível nacional. No ano seguinte, já com apoio da Câmara Municipal e do Turifórum, grupo de empresários do setor do turismo do concelho, a aventura repetiu-se, mas desta vez com mais de uma centena de mergulhadores que desenharam, com luz, um 2008 no fundo do mar.

 

 

Desde então, o Réveillon Subaquático tem sido a imagem de marca da passagem de ano em Sesimbra e ajudou a transformar este momento em época alta para o turismo no concelho. À volta do mergulho surgiram os espetáculos piromusicais, animações de rua e música, pela noite dentro. Este ano, a história repete-se e, à meia-noite, enquanto o céu se ilumina com fogo-de-artifício, o fundo do mar volta a iluminar-se com as luzes de dezenas de mergulhadores.

Rui Lavrador

Iniciou em 2011 o seu percurso em comunicação social, tendo integrado vários projectos editoriais. Durante o seu percurso integrou projectos como Jornal Hardmúsica, LusoNotícias, Toureio.pt, ODigital.pt, entre outros Órgãos de Comunicação Social nacionais, na redacção de vários artigos. Entrevistou a grande maioria das personalidades mais importantes da vida social e cultural do país, destacando-se, também, na apreciação de vários espectáculos. Durante o seu percurso, deu a conhecer vários artistas, até então desconhecidos, ao grande público. Em 2015 criou e fundou o Infocul.pt, projecto no qual assume a direcção editorial.

Rui Lavrador has 6768 posts and counting. See all posts by Rui Lavrador

Rui Lavrador

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.