A literatura terá lugar de destaque na RTP 2 no próximo dia 29 de Dezembro pelas 22:50.

Na próxima semana seguimos o exemplo de Rainer Maria Rilke e viajamos para a Rússia. Nascido em Praga, Rilke sentia as “coisas russas” como as melhores imagens e nomes para os seus sentimentos e confissões pessoais. É com os versos dele que nos precipitamos para outra linguagem, uma performance a reclamar atenção e pontes com as palavras.

 Alguns anos antes de Rilke chegar à Rússia, o Teatro Mariinsky em São Petersburgo estreava A Bela Adormecida, com coreografia de Marius Petipa e composição de Tchaikovsky. É por essa relação do conto de fadas com a dança que nos entregamos à curiosidade pela história deste bailado.

De Portugal, impõe-se uma passagem pela revista literária Orpheu, de 1915. Noutra dimensão, revisitamos a escrita de Maria Teresa Gonzalez, autora de um dos livros mais conhecidos, com 26 edições: A Lua de Joana.

Tempo ainda para conhecer a partilha de um jovem criativo na rubrica “O Livro que não volto a ler”.

Mas os russos mantém-se à espreita ao longo de toda esta emissão. Não esqueçamos que Rilke se encantou pelo País e em 1926 trocou cartas com dois grandes poetas russos do seu tempo: Boris Pasternak e Marina Tsvétaieva. Todos eles muito bem-vindos ao nosso Literatura Aqui.

Rui Lavrador

Iniciou em 2011 o seu percurso em comunicação social, tendo integrado vários projectos editoriais. Durante o seu percurso integrou projectos como Jornal Hardmúsica, LusoNotícias, Toureio.pt, ODigital.pt, entre outros Órgãos de Comunicação Social nacionais, na redacção de vários artigos. Entrevistou a grande maioria das personalidades mais importantes da vida social e cultural do país, destacando-se, também, na apreciação de vários espectáculos. Durante o seu percurso, deu a conhecer vários artistas, até então desconhecidos, ao grande público. Em 2015 criou e fundou o Infocul.pt, projecto no qual assume a direcção editorial.

Rui Lavrador has 6782 posts and counting. See all posts by Rui Lavrador

Rui Lavrador

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.