Santiago do Cacém: GNR registou 31 infracções em fiscalização ao campismo e caravanismo ilegal

O Comando Territorial de Setúbal, através do Núcleo de Proteção Ambiental (NPA) de Santiago do Cacém, hoje, dia 16 de Julho, realizou uma ação de fiscalização nas áreas protegidas do “Parque Natural do Sudoeste Alentejano, Costa Vicentina e Reserva Natural das Lagoas de Santo André e Sancha”.

Nesta acção de fiscalização foram identificados 31 cidadãos e detectadas 31 infracções, pela prática de campismo e caravanismo em situação ilegal ou irregular nas áreas protegidas.

Essas infracções podem levar ao pagamento de coimas que vão entre os 200 e os 4.000 euros.

A operação contou com o reforço do postos territoriais de Sines, de Santo André e de Santiago do Cacém.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.