“The Lucky Duckies” criaram tema para celebrar Dia Internacional da Cerveja

O Dia Internacional da Cerveja, marcado este ano para o dia 7 de agosto, sexta-feira, será celebrado em Portugal ao tom do “Viva a Cerveja”, um tema criado e interpretado pela banda “The Lucky Duckies” que dá corpo ao primeiro hino em língua portuguesa que homenageia a Cerveja, os seus consumidores, confrades, Produtores de cevada e lúpulo, cervejeiros e toda a sua cadeia de valor que hoje emprega cerca de 80.000 pessoas.

A música é da autoria do vocalista dos “The Lucky Duckies” e Confrade da Cerveja, Marco António, e a letra é de Fernando Gomes dos Santos, sonoplasta da banda. O tema “Viva a Cerveja” conta com o apoio e divulgação da Confraria da Cerveja por ilustrar o melhor da Cerveja através da música: as suas pessoas, a diversidade de sabores, os momentos de partilha e o convívio social. O videoclip do hino “Viva a Cerveja” pode ser visualizado aqui.

Incentivando a um movimento de apoio ao setor cervejeiro e ao canal Horeca, fortemente impactados pela atual pandemia, a Confraria da Cerveja e a AHRESP –  Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal desafiam ainda todos os portugueses a partilhar o seu brinde à cerveja nas redes sociais, no próximo dia 7 de agosto, com a hashtag #VivaCerveja e marcando o seu local preferido para degustar uma cerveja, seja um café, esplanada, restaurante ou hotel.

O Dia Internacional da Cerveja é comemorado, todos os anos, na primeira sexta-feira de agosto. Esta efeméride foi inventada em 2007, em Santa Cruz da Califórnia, e começou por ser uma celebração apenas no bar dos seus fundadores, expandindo-se até se transformar num evento mundial, assinalado em mais de 50 países. A Confraria da Cerveja junta-se a esta data comemorativa, não só pelo sentido de união mundial com os produtores de várias nações e culturas, como para celebrar os momentos de convívio, de gastronomia, lembrar quem a produz e quem a serve, bem como realçar a importância da cerveja para economia nacional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.