Tradição Hípica regressa a Pedras Salgadas, no distrito de Vila Real

De 6 a 8 de maio, o Centro Hípico de Pedras Salgadas acolhe a realização de um CSI – Concurso Internacional de Saltos de Obstáculos. O evento pretende reavivar a tradição hípica em Vila Pouca de Aguiar e é uma organização conjunta Autarquia Municipal, Green Horse, Empreendimentos Hidroelétricos do Alto Tâmega e Barroso, Federação Equestre Internacional e Federação Equestre Portuguesa.

 

A anteceder as quinze provas hípicas – seis nacionais e nove de âmbito internacional –será inaugurado, pela Câmara Municipal de Vila Pouca de Aguiar, o Centro Hípico de Pedras Salgadas.

 

 

As expectativas para estes três dias são as melhores. São esperados em Pedras Salgadas 200 conjuntos (cavaleiro e cavalo) oriundos de países como Portugal, Alemanha, Brasil, Espanha, Irlanda, e Suécia. Entre os participantes estão alguns dos principais nomes do hipismo nacional e internacional, como Marina Frutuoso de Melo, heptacampeã nacional e madrinha dos eventos hípicos Green Horse, e António Vozone, cavaleiro olímpico.

 

 

No decorrer do CSI será ainda realizada uma Acção de Formação Contínua, com a duração de 25 horas, com o apoio da Federação Equestre Portuguesa. A formação é destinada a treinadores de equitação geral e compreenderá matérias eminentemente práticas sobre os diferentes aspectos da disciplina de Obstáculos.

 

 

Pedras Salgadas acolheu durante muitos anos importantes competições internacionais, que há cerca de três décadas ali deixaram de se realizar. A autarquia municipal de Vila Pouca de Aguiar, com o objectivo de voltar a colocar o município nas rotas do hipismo mundial, remodelou o Centro Hípico das Romanas.

 

 

Em declarações ao gabinete de Comunicação da Green Horse, Alberto Machado, presidente da Câmara Municipal de Vila Pouca de Aguiar, sublinha que “as expetativas quanto à realização deste concurso hípico são elevadas“.

 

 

O Concurso Hípico de Pedras Salgadas teve sempre um grande prestígio internacional e agora, com a transformação de um espaço que estava degradado, recuperamos a tradição do hipismo na vila termal de Pedras Salgadas“, afirma o autarca.

 

 

Já Eduardo Oliveira, em representação da Green Horse, antevê que o CSI em Pedras Salgadas “seja um momento importante no percurso desta temporada, estaremos num lugar carismático em termos de hipismo nacional e internacional. As nossas expectativas são elevadíssimas“.

 

 

Convidado a recordar alguns momentos históricos do hipismo em Pedras Salgadas, Alberto Machado refere que “o Centro Hípico das Romanas esteve sempre entre os melhores do país, como comprovam várias publicações de meados do século passado. Quem deu prestígio ao circuito das Romanas foram os cavaleiros que por aqui passaram em eventos hípicos de grande relevância. É um local emblemático cujo circuito tem todas as condições para estar entre os melhores do país“.

 

 

Localizada a cerca de cinco minutos da auto-estrada A24, Vila Pouca de Aguiar tem várias propostas para quem ali se desloca. O presidente da Autarquia Municipal evidencia algumas: “Para quem pratica equitação, temos um picadeiro com um dos melhores pisos da Europa e uma cavalariça devidamente equipada com 32 boxes, entre outras infra-estruturas. É o primeiro espaço desta região a desenvolver um projecto de Equitação Terapêutica. Bem perto do Centro Hípico, temos a vila de Pedras Salgadas com um balneário termal renovado para tratamentos de saúde e bem-estar, e o comércio tradicional com produtos locais de excelência. A gastronomia é de grande qualidade por estas terras transmontanas“.

 

 

Sugiro a visita a uma das maiores minas de ouro do Império Romano, em Tresminas, e o contacto com a natureza no Alvão ou ainda uma visita à sede de concelho, Vila Pouca de Aguiar, que se estende pelo aprazível vale de Aguiar“, convida Alberto Machado.

Rui Lavrador

Iniciou em 2011 o seu percurso em comunicação social, tendo integrado vários projectos editoriais. Durante o seu percurso integrou projectos como Jornal Hardmúsica, LusoNotícias, Toureio.pt, ODigital.pt, entre outros Órgãos de Comunicação Social nacionais, na redacção de vários artigos. Entrevistou a grande maioria das personalidades mais importantes da vida social e cultural do país, destacando-se, também, na apreciação de vários espectáculos. Durante o seu percurso, deu a conhecer vários artistas, até então desconhecidos, ao grande público. Em 2015 criou e fundou o Infocul.pt, projecto no qual assume a direcção editorial.

Rui Lavrador has 6611 posts and counting. See all posts by Rui Lavrador

Rui Lavrador

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.