Valongo: Prisão preventiva por violência doméstica

O Comando Territorial do Porto, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) de Porto, ontem, dia 4 de setembro, deteve um homem de 48 anos, por violência doméstica, no concelho de Valongo.

No âmbito de uma investigação pelo crime de violência doméstica, os militares da Guarda apuraram que o suspeito, habitual consumidor de produtos estupefacientes e bebidas alcoólicas, terá injuriado, ameaçado e agredido física e psicologicamente, de forma reiterada, a sua mãe, de 78 anos, exigindo-lhe dinheiro para satisfazer a sua dependência. Num dos últimos episódios de violência, agrediu e arrastou a vítima, obrigando-a a dirigir-se a um multibanco durante a madrugada.

O suspeito que já havia sido detido no início de Agosto pelo mesmo crime, e após lhe ter sido aplicada a medida de coação de proibição de contacto com a vítima, continuou a sua conduta violenta, em incumprimento das medidas de coação que lhe haviam sido impostas na altura, o que originou a emissão de um novo mandado de detenção.

O detido, com antecedentes criminais por violência doméstica e dano qualificado foi presente, ontem, dia 4 de setembro, a primeiro interrogatório judicial ao Tribunal de Instrução Criminal do Porto, onde lhe foi aplicada a medida de coação de prisão preventiva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.