Vila do Bispo: GNR apreendeu 1310 pés de papoilas de ópio

A Unidade de Controlo Costeiro (UCC), através do Subdestacamento de Controlo Costeiro de Aljezur, ontem, dia 14 de maio, apreendeu 1310 pés de papoilas de ópio “Papaver Somniferum”, no concelho de Vila do Bispo.

No decorrer de uma acção de patrulhamento costeiro, visando o controlo, fiscalização e vigilância marítima, foi detectada uma plantação de papoilas de ópio, numa zona dunar muito próxima da praia, não pertencente ao ecossistema do Parque Natural do Sudoeste Alentejano e da Costa Vicentina. As plantas foram colhidas e entregues no Núcleo de Apoio Técnico (NAT) do Comando Territorial de Faro.

Trata-se de uma planta de cultivo ilegal que geralmente é utilizada para fazer chá com características alucinogénias. Nos países de grande cultivo de produtos opiáceos, a seiva recolhida da papoila de ópio, depois de misturada com químicos, é usada para fazer heroína.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.