Vila Nova de Gaia e Espinho: 4 detidos por roubo e posse de armas proibidas

O Comando Territorial do Porto, através do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Vila Nova de Gaia, ontem, dia 29 de Abril, deteve quatro homens, com idades compreendidas entre os 23 e os 34 anos, por roubo, posse ilegal de armas de fogo e posse de armas proibidas, nos concelhos de Vila Nova de Gaia e de Espinho.

No âmbito de uma investigação por roubo, iniciada no início do mês de Abril, em que três homens roubaram 500 euros a um casal, os militares realizaram dez buscas, sete domiciliárias e três em veículos que, para além das detenções permitiram apreender droga, uma arma de fogo e armas proibidas. A investigação permitiu chegar até aos suspeitos, com antecedentes criminais por crimes contra o património e tráfico de estupefacientes, que foram detidos no decorrer das buscas. Dois foram detidos por posse ilegal de arma de fogo, para a qual não tinham licença e por posse de armas proibidas, e dois foram detidos por alegado envolvimento no roubo.

Entre o material apreendido estava:

Uma arma de fogo de calibre 6,35mm;

Uma réplica de arma de fogo;

21 munições de calibre 6,35mm;

Duas armas brancas do tipo “borboleta”;

Dez doses haxixe;

Uma soqueira;

Uma faca artesanal.

Os detidos foram presentes ao Tribunal Judicial de Matosinhos tendo ficado com as seguintes medidas de coação: dois com apresentações semanais nos postos policiais da área de residência; um com apresentações quinzenais e o quarto com obrigação de permanência no domicilio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.