Vila Real: Casal detido por lenocínio com 4 quartos destinados à prostituição

O Comando Territorial de Vila Real, através do Núcleo de Investigação Criminal de Vila Real, ontem dia 19 de Janeiro, deteve um casal por lenocínio, no concelho de Vila Real.

No âmbito de uma investigação relacionada com lenocínio, a decorrer desde Fevereiro de 2019, os militares apuraram que os suspeitos geriam um estabelecimento de diversão nocturna e que, no mesmo edifício, tinham quartos destinados à prática de prostituição.

No seguimento das diligências foram realizadas 12 buscas, nove domiciliárias, duas em veículos e uma em estabelecimento comercial, das quais se destaca a apreensão de:

·         Duas viaturas;

·         2600 euros;

·         Três telemóveis;

·         Uma passagem via aérea;

·         Dezenas de artigos e documentos relacionados com a prática do crime de lenocínio.

Foi ainda identificada uma cidadã estrangeira em situação de permanência irregular no país, pelo que foi contactado o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras.

Os detidos, o homem com 46 anos e a mulher com 36, foram constituídos arguidos estando neste momento a ser presentes ao Tribunal Judicial de Vila Real.

A acção contou com o reforço das diversas valências do Comando Territorial de Vila Real e dos Comandos Territoriais de Braga e de Viana do Castelo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.