Xutos & Pontapés apresentam uma nova colheita do seu vinho

unnamed(9)

 

No próximo sábado, no Parque da Cidade do Porto, os Xutos & Pontapés vão apresentar uma nova colheita do seu vinho. Esta colheita é de 2015. A Casa Agrícola Alexandre Relvas será novamente a produtora do vinho da mais emblemática banda de rock nacional, Xutos & Pontapés.

 

 

Para esta nova edição do Vinho Xutos e Pontapés by Herdade de São Miguel quisemos criar um lote que correspondesse à Portugalidade dos artistas envolvidos neste projecto, a Maísa e os Xutos, loteando unicamente castas Portuguesas. Tal como as artes plásticas e a musica, a arte do lote procura a autenticidade, a harmonia e satisfação dos sentidos de quem o aprecia. Neste vinho da colheita de 2015 tentamos criar uma ligação perfeita entre o Alicante Bouschet, Touriga Nacional e Aragonez, buscámos a criação de um vinho elegante e intenso, com forte marca das 3000 horas de sol do Alentejo; este vinho, que em jovem trará ao consumidor uma explosão de aromas e sabores irá ganhar com o tempo complexidade e harmonia”, conta o produtor Alexandre Relvas Jr.

 

 

Mais uma vez, os Xutos & Pontapés convidam um artista plástico para a criação do contra-rótulo desta nova colheita, Maísa Champalimaud foi a artista convidada e que aceitou o desafio.

 

 

A convite dos Xutos & Pontapés deparei-me com o desafio de criar um contra-rótulo do vinho para lançamento de uma nova colheita. Ao experimentá-lo e sentir o palato das uvas presentes, inspirei-me no sabor que resulta da mistura entre Alicante Bouschet e Aragonez. Sendo assim, utilizei como técnica a própria rolha de cortiça na intenção de retratar a essência da banda de forma genuína, já que ao longo da minha trajectória como artista, tenho explorado o uso de materiais não convencionais”, explica a artista plástica convidada.

 

 

O novo vinho dos Xutos & Pontapés será apresentado este sábado na cidade do Porto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.