Álvaro Covões aborda espectáculos tauromáquicos no Sagres Campo Pequeno

Álvaro Covões aborda espectáculos tauromáquicos no Sagres Campo Pequeno, em declarações ao site Time Out.

Álvaro Covões aborda espectáculos tauromáquicos no Sagres Campo Pequeno

Álvaro Covões, da Plateia Global, que gere o agora denominado Sagres Campo Pequeno, abordou a questão tauromáquica em declarações ao site “Time Out”.

Se são uma organização juridicamente legal, claro que sim, são bem-vindos. Aliás, eu fui educado a isso: as salas de espectáculos têm de ser abertas a todos. Todos os credos, sejam políticos, sejam religiosos. E os artistas a mesma coisa. Isso é princípio básico da liberdade. O público tem direito a ver aquilo que quer ver“, disse sobre os espectáculos tauromáquicos.

Explicou ainda que relativamente a esses espectáculos, nada tem a ver e sobre os quais “não tem opinião“.

Importa salientar que os espectáculos tauromáquicos na sala lisboeta têm sido organizados nos últimos anos pela empresa Ovação e Palmas, de Luís Miguel Pombeiro.

As empresas que passaram por aqui, promoviam (espectáculos tauromáquicos). Nós não promovemos. Somos obrigados por contrato (a acolher). Ainda é considerado um espectáculo. É obrigatório (acolher). Não temos como fugir, portanto não temos opinião“, referiu Covões.

Explicou que tema tauromáquico não foi sequer abordado no contrato que fez com a Sagres.

Nós vivemos em democracia e em democracia tem que se respeitar a lei e a vontade da maioria. Quem somos nós para mudar isso? Era o que mais faltava agora nós termos um pensamento políitico e vinha aqui um com um pensamento oposto ‘queremos fazer a nossa convenção’. Não, não, a gente não quer nada convosco. Se (os espectáculos tauromáquicos) são uma organização juridicamente legal, claro que sim, são bem-vindos“, rematou.

Artigos Relacionados

Siga-nos nas redes sociais

30,010FãsCurtir
12,945SeguidoresSeguir
337SeguidoresSeguir
214InscritosInscrever