Almada: GNR cessou festa ilegal e encerrou três estabelecimentos, devido à COVID-19

O Comando Territorial de Setúbal, através do Destacamento Territorial de Almada, nos dias 29 e 30 de agosto, efetuou um conjunto de ações de policiamento e de operações, no âmbito do actual contexto da pandemia COVID-19, nas zonas urbanas sensíveis à sua responsabilidade, no concelho de Almada.

As acções visaram várias vertentes, nomeadamente fiscalização rodoviária, fiscalização de estabelecimentos e verificação do cumprimento das determinações vigentes na área metropolitana de Lisboa, no âmbito da situação de contingência em vigor.

Em termos de resultados, destacam-se:

·         41 infrações à legislação rodoviária;

·         Duas detenções por condução sem habilitação legal;

·         Três estabelecimentos encerrados;

·         Uma festa ilegal encerrada;

·         Terminados vários ajuntamentos de pessoas, em desrespeito ao número máximo permitido.

Foram empenhados cerca de 100 militares de várias valências da GNR, nomeadamente territorial, investigação criminal, manutenção de ordem pública e cinotécnica.  

Com estas acções, o Destacamento Territorial de Almada procurou fomentar um contacto mais próximo da população, através de uma presença mais visível, proporcionando um maior sentimento de segurança.