COVID-19: 1023 mortos e 25190 infectados em Portugal. DGS corrige números e dá explicação

O número de mortos por COVID-19 aumentou para 1023 em Portugal.

Segundo a DGS, há 25190 casos confirmados, 223777 não confirmados, 3761 aguardam resultado laboratorial.

Há 1671 casos recuperados. 252728 casos suspeitos de infecção.

Relativamente aos casos confirmados, há 14951 na região norte, 3426 na região centro, 6047 em Lisboa e Vale do Tejo, 218 no Alentejo, 331 no Algarve, 86 na Madeira e 131 nos Açores.

Há 855 pessoas internadas, 150 das quais nos Cuidados Intensivos.

Nota da DGS:

A informação apresentada refere ao total de notificações clínicas no sistema SINAVE, correspondente a 86% dos casos confirmados.

Quando os casos confirmados são inferiores a 3, por motivos de confidencialidade, os dados não são apresentados.

Nota a DGS relativamente à descida do número de casos confirmados e de casos suspeitos:

O apuramento de dados, para efeitos de vigilância epidemiológica, é complexo e não integra automaticamente SINAVE-LAB e SINAVE-MED. Como tal, a rotina semanal de trabalho envolve testes de validação de todos os dados carregados.

Ontem, verificou-se o seguinte:

Quando um caso confirmado laboratorialmente para SARS-CoV-2 não tem número de utente associado no registo, o sistema está parametrizado para verificar se o nome e data de nascimento correspondem, ou não, a um caso que já estivesse confirmado.

Num conjunto de casos da região Norte, na última semana (desde o dia 25 de abril), os testes informáticos de verificação encontraram 422 casos duplicados que não eram verdadeiros novos casos e sim problemas de integração.

Como tal, os dados de hoje para a região Norte refletem essa correção e os boletins dos dias de 25 a 30 de abril serão de seguida corrigidos.

DADOS COMPLETOS AQUI