COVID-19: Metropolitano de Lisboa vai apertar fiscalização aos passageiros

O Metropolitano de Lisboa e a PSP iniciam, na próxima segunda-feira, dia 29 junho, um conjunto de ações de controlo do volume de passageiros na rede, sensibilizando os seus clientes para a necessidade de se manter o distanciamento social e a obrigatoriedade do uso de máscara.

Assim, na hora de ponta da manhã, entre as 06:30 e as 10:30, o Metropolitano de Lisboa e a PSP iniciam um conjunto de acções nesse sentido, nas estações Entre Campos, Jardim Zoológico e Cais do Sodré. Tratam-se de estações intermodais que, face à ligação com outros operadores de transporte, necessitam de um maior controlo dos clientes, com vista ao cumprimento do distanciamento social e de segurança recomendados.

Os agentes da PSP estarão distribuídos pelas referidas estações, com a função de fiscalizar o cumprimento das medidas de utilização do transporte público em vigor na rede do Metropolitano de Lisboa, apelando aos clientes para se distribuírem ao longo do cais de embarque, de forma a evitar concentrações indesejáveis de passageiros nos comboios, reforçar a obrigatoriedade de uso de máscara e a sua correta utilização.

O Metropolitano de Lisboa recorda, uma vez mais aos seus clientes, especialmente nas estações de correspondência com outros meios de transporte, para que continuem a procurar as carruagens mais vazias e, caso seja necessário, que esperem pelo comboio seguinte, no sentido de se manterem os distanciamentos de segurança recomendados.

O Metropolitano de Lisboa pretende promover as medidas de segurança e de distanciamento social entre clientes, continuado, desta forma, a assegurar um serviço de transporte público para todos os que se encontram a trabalhar e que necessitam de se deslocar na Área Metropolitana de Lisboa.