Ljubomir Stanisic está em greve de fome em frente do parlamento e acusa Marcelo de parecer “adjunto do primeiro-ministro”

O Chef Ljubomir Stanisic já iniciou a greve de fome e montou uma cama em frente à Assembleia da República, num “protesto contra a destruição do setor da restauração“.

Ljubomir Stanisic tomou esta decisão após a audiência com Presidente da República não ter apresentado soluções para os problemas da restauração nesta fase da pandemia.

Em declarações ao ‘Boa Cama Boa Mesa’, do jornal ‘Expresso’, revelou que “estou a acabar de me instalar, a meter aqui umas camas e a preparar-me para começar uma greve de fome em frente da Assembleia da República“.

Anotaram as nossas queixas e disseram apenas que o Presidente da República não manda nem toma medidas. Parece que o Presidente da República está a ser o adjunto do primeiro-ministro“, acrescentou.

Espera com esta acção “defender a restauração, os colegas que não vão conseguir pagar rendas ou ordenados, e também pelas famílias dos milhares que correm o risco de chegar ao fim do ano sem emprego”.